Sobral – 300×100
Seet

“Problema da segurança pública é nacional”, diz Marcelo Miranda ao trocar comando da PM de Araguaína

Redação AF - |
Foto: Carlos Magno
Marcelo Miranda troca comando da PM de Araguaína

O Governador Marcelo Miranda realizou a troca de comando do 2º Batalhão da Polícia Militar de Araguaína, na manhã desta sexta-feira (20), com a presença de secretários de Estado e autoridades locais. Assumiu o comando do 2º Batalhão o tenente-coronel João Márcio Costa, que substitui a tenente-coronel Patrícia Murussi.

Marcelo Miranda destacou o trabalho realizado pela até então comandante do 2º BPM de Araguaína, tenente-coronel Patrícia, e o prestígio da corporação perante a comunidade. “O trabalho realizado aqui por este Batalhão sempre foi importante para manter a ordem pública e proteger a sociedade”, disse.

Disse ainda que o Governo do Estado está empenhado em reestruturar as unidades da Polícia Militar. “O problema da segurança pública é nacional, mas estamos firmando compromisso com a União para ações conjuntas de combate ao crime organizado, ao narcotráfico e promover a redução do feminicídio e a racionalização do sistema penitenciário”, informou.

Perfil

João Márcio Costa Miranda tem 37 anos e ingressou na Polícia Militar do Estado do Tocantins mediante concurso público em 1998, na graduação de aluno oficial, concluindo o curso em 2001 na Academia de Polícia Militar do Estado de Minas Gerais.

Comandou o 3º BPM desde 29 de janeiro de 2013 e, entre outras funções desempenhadas na Polícia Militar, comandou a 4ª Companhia Independente da PM, hoje 9º BPM, de março de 2007 a julho de 2008, e a 5ª CIPM em Tocantinópolis, de 2010 a 2013.

Naturatins 

Marcelo Miranda também inaugurou as novas instalações do Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins), onde entregou veículo para uso da Área de Proteção Ambiental (APA) das Nascentes de Araguaína e 30 computadores, que serão distribuídos às unidades do órgão no Estado.

Também assinou um Termo de Cooperação Técnica com a Prefeitura de Araguaína, que delega à Secretaria Municipal de Meio Ambiente poderes para atuar no licenciamento, monitoramento e fiscalização das atividades potencialmente poluidoras de impacto local, conforme Resolução COEMA n.72/2016.

O governador entende que os municípios também são importantes nesse contexto de preservação do meio ambiente. “Temos que ser flexíveis, é hora dos municípios também assumirem parte do controle das atividades que dizem respeito à fiscalização e monitoramento das atividades poluidoras em sua jurisdição”, pontuou.

O prefeito Ronaldo Dimas destacou que essa iniciativa vai somar às atividades ambientais do município. “Vai somar bastante ao nosso organismo ambiental na promoção de licenciamento e da sustentabilidade”, destacou.

Para o presidente do Naturatins, Herbert Brito, assinatura representa um passo importante na descentralização da prestação de serviços. “É importante que os municípios assumam parte do controle das atividades potencialmente poluidoras exercendo atividades de fiscalização, monitoramento e licenciamento”, disse.

Participaram do ato o prefeito de Araguaína, Ronaldo Dimas; os deputados federais Lázaro Botelho e César Halum; os deputados estaduais Elenil da Penha, Jorge Frederico e Valderez Castelo Branco, vereadores, secretários de estado e outras autoridades. (Jarbas Coutinho)

Veja mais…

Governo troca comando da PM de Araguaína em meio a onda de criminalidade e sensação de insegurança

Comentários pelo Facebook: