Prorrogado prazo para desocupação de moradores e comerciantes da Feirinha

Agnaldo Araujo - |
Foto: Fernando Almeida
A parte mais crítica da Feirinha já foi demolida

Agnaldo Araujo//AF Notícias

A prefeitura de Araguaína prorrogou por mais 180 dias o prazo para ações de desocupação de moradores e comerciantes da Feirinha. A parte mais crítica da área pública já foi desocupada e demolida.

O novo prazo consta no Decreto nº 058, de 05 de janeiro de 2018, do prefeito licenciado Ronaldo Dimas (PR), e é estipulado ao grupo de trabalho que atua na área.

O Decreto foi publicado no Diário Oficial do Município nesta quarta-feira (10), mas seus efeitos retroagem a partir de 17 de novembro de 2017.

2ª ETAPA

A segunda etapa do Projeto Nova Feirinha teve início com o trabalho de análise das edificações cadastradas no segundo e terceiro quarteirões da área pública. Segundo a prefeitura, a ação é necessária para catalogar, cadastrar os ocupantes e iniciar o processo de negociações.

A reconstrução do primeiro quarteirão demolido segue com a contratação da empresa para início das obras do novo prédio.

PROJETO NOVA FEIRINHA

De acordo com a prefeitura, a Nova Feirinha terá 24 boxes comerciais, banheiros, elevador, praça de alimentação com nove boxes e setor administrativo. O prédio também contará com estacionamento e rampas de acessibilidade.

A Prefeitura já garantiu recursos federais de R$ 6 milhões para a realização da obra, com apoio da senadora Kátia Abreu, sendo R$ 1 milhão de contrapartida do Município.

Comentários pelo Facebook: