Reajuste de 6,48% na tarifa de água tem cobrança retroativa a março no Tocantins

Redação AF - | - 885 views
Foto: Divulgação
Concessionária BRK Ambiental

Clientes da concessionária BRK Ambiental foram surpreendidos neste mês de julho com a cobrança retroativa ao mês de março do reajuste de 6,48% na tarifa de água e esgoto. A incidência ocorrerá em seis parcelas.

O aumento é de R$ 2,75 para os clientes residenciais que têm a tarifa básica e consomem até 10 mil litros, o que corresponde a cerca de 60% dos clientes da concessionária. Neste caso, o valor da tarifa vai de R$ 42,31 para R$ 45,06.

Para os mais de 80 mil moradores que têm a chamada tarifa social o valor pelos 10 mil litros de água vai ficar em R$ 13,97.

“Nunca imaginei que fosse outro reajuste. Poderiam ao menos informar com antecedência. Estou inconformado com essa cobrança”, disse o morador José Neto, do Bairro São João, em Araguaína.

Foto: Divulgação
Cobrança retroativa do reajuste tarifário da BRK Ambiental

A BRK informou que a cobrança retroativa é referente a março de 2018, que estava suspensa, mas a justiça autorizou em maio a aplicação do percentual. Segundo a empresa, ele foi informado aos consumidores nas faturas entregues em junho e passará a valer a partir nas faturas entregues em julho. Todas as categorias de clientes terão o mesmo reajuste.

Conforme a BRK, o reajuste é parte da revisão tarifária promovida pela Agência Tocantinense de Regulação em 2015. A revisão prevê um reajuste de 6,48% ao ano entre 2016 e 2018, acrescidos de correção inflacionária. Estes percentuais se referem desequilíbrios tarifários passados que não haviam sido concedidos.

Comentários pelo Facebook: