‘Sem veto e sem preconceito’, diz presidente sobre aliança do MDB com Amastha

Agnaldo Araujo - |
Foto: Nielcem Fernandes // AF Notícias
Lideranças do MDB sinalizam aliança com grupo de Amastha

Nielcem Fernandes // AF Notícias

O presidente estadual do MDB, Derval de Paiva disse ao AF Notícias que a aliança com o grupo de Carlos Amastha (PSB) está prestes a ser consolidada. Segundo ele, uma comissão foi formada para tratar do assunto e a conversa está bem adiantada, apesar de alguns entraves.

Uma comissão foi constituída para tratar das coligações. O MDB cunhou uma frase: sem veto e sem preconceito. A conversa evoluiu um pouco mais com o grupo do Amastha. O que a convenção autorizou agora foi exatamente a coligação e a comissão tem autonomia para falar em nome de partido, mas o assunto ainda não está esgotado”, disse.

A deputada federal e ex-primeira-dama do Estado, Dulce Miranda também confirmou que os caminhos do partido levam à coligação com Amastha para outubro. “Nós estamos conversando com vários partidos, mais ainda não temos uma definição. Os nossos representantes foram debater esse assunto para decidir qual é a melhor chapa para o MDB”, disse.

Questionada se o partido está mais próximo a fechar com o o colombiano, a deputada foi enfática. “Com certeza”.

O ex-governador cassado Marcelo Miranda também sinalizou que a aliança, que outrora era inimaginável, está prestes a ser consolidada.

“O fechamento dos trabalhos vão definir que rumo tomar. Os representantes do partido tem tido um contato mais próximo com a equipe do ex-prefeito da capital, isso é muito claro”, declarou.

Comentários pelo Facebook: