Seet
Sobral – 300×100

Polícia Civil deflagra operação ‘Legalidade’ para mostrar falta de estrutura

Redação AF - |
Foto: Divulgação/Sinpol
Polícia vai orientar população sobre direitos e mostrar a precariedade no Estado.

O Sindicato dos Policiais Civis do Estado do Tocantins (Sinpol-TO) realizou na tarde desta sexta (04), Assembleia Geral Extraordinária para deliberar sobre a operação “Pacto da Legalidade” e cartilha de procedimentos policiais padrões para o pacto da legalidade.

Após votação, foi aprovada pela maioria que a partir da próxima segunda-feira (07/03) a categoria estará em campanha Operação Legalidade em todo o Estado, a partir das 8 horas.

A campanha Operação Legalidade reúne várias ações cujo objetivo é orientar o policial civil sobre os seus direitos e deveres no exercício de sua profissão. Além disso, a proposta é dialogar com a sociedade tocantinense e esclarecê-la sobre a função da Polícia Civil, mostrando quais os direitos dos cidadãos, os quais não tem sido amparados pela falta de uma estrutura de trabalho suficiente para a realização das atividades da polícia judiciária.

O Sindicato informa a todos que a cartilha definitiva sobre os padrões a serem realizados durante o pacto será finalizada e disponibilizada na próxima semana no site do Sinpol-TO e depois enviada a todos os órgãos competentes.

Comentários pelo Facebook: