Sobral – 300×100
Seet

Siqueira nega alianças e deixa para março decisão de se candidatar ao Senado

Agnaldo Araujo - |
Foto: Divulgação
O ex-governador disse que decidirá sobre candidatura só em março

O ex-governador Siqueira Campos (DEM) declarou, nesta segunda-feira (8), que no mês de março definirá se será ou não candidato ao Senado nas eleições deste ano. Siqueira Campos resolveu fazer a declaração para por fim às especulações que circulam nas redes sociais incluindo seu nome em chapas que sequer foram discutidas.

O ex-governador afirmou que tem recebido apoio de todos os municípios do Estado para assumir a candidatura ao Senado. Afirmou também que, para ele, essas indicações são como uma homenagem, sobretudo pela confiança da população em sua capacidade, experiência e pelos serviços prestados ao Tocantins.

“Recebo líderes de todo o Estado que chegam trazendo o apoio e a palavra de incentivo para esta candidatura. Estou me sentindo bem, estou bem de saúde, mas entendo que ainda não é o momento para assumir esse compromisso. Mas a partir de março, já poderei falar se serei ou não candidato a Senador, para continuar trabalhando pelo nosso Tocantins”, afirmou.

Siqueira Campos disse ainda que tem visto circular especulações sobre a formação da chapa de senadores que ele poderia integrar. Mas da mesma forma como não definiu se será candidato ao Senado, não existe discussão sobre formação de chapa.

“Cada decisão a seu tempo. Primeiro vou decidir se aceito ou não essa responsabilidade de assumir uma candidatura. Caso eu decida ser candidato, aí sim partiríamos para o momento de conversar com os partidos e discutir um projeto para o Estado e formar uma chapa forte e competitiva”, declarou o ex-governador.

Comentários pelo Facebook: