Seet
Sobral – 300×100

Suspeito de matar servidor da Defensoria Pública do Tocantins é preso em Goiás

Redação AF - |
Foto: SSP
James Sobrinho Bezerra, 27 anos, estava foragido da Justiça.

Uma ação conjunta realizada por policiais civis da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), em conjunto com agentes da 1ª Delegacia de Polícia Civil de Palmas e, com apoio de Agentes da Delegacia de Inhumas-GO, resultou na prisão de James Sobrinho Bezerra, 27 anos de idade.

James é o principal suspeito pala prática do crime de homicídio, o qual vitimou o analista Jurídico da Defensoria Pública do Estado do Tocantins, Wanderson Rodrigues Lira, fato ocorrido no dia 25 de janeiro de 2016, em Palmas e foi capturado, mediante o cumprimento de mandado de prisão temporária, quando se encontrava em uma residência, localizada no centro de Inhumas – GO.

O inquérito que apurou a morte de Wanderson foi concluído pela DHPP, em agosto de 2016 e, na ocasião, James foi apontado como o principal suspeito da morte do servidor. Dessa maneira, o delegado João Sérgio Vasconcellos Kenupp, representou, junto ao Poder Judiciário, pela prisão do indivíduo, a qual foi deferida. No entanto, James já havia fugido de Palmas.

Após troca de informações entre os policiais civis da DHPP e da 1ª DPC de Palmas com os policiais de Inhumas, James foi localizado e, assim, a ordem judicial contra ele foi cumprida nessa sexta-feira, 13. O foragido da Justiça encontra-se preso na Delegacia do município Goiano à disposição do Poder Judiciário do Estado do Tocantins e, nos próximos dias, deve ser recambiado para Palmas, a fim de que possa responder pelo crime que lhe é imputado.

Comentários pelo Facebook: