Tabela salarial dos servidores de Araguaína será refeita e Sisepar já inicia negociação da data-base

Redação AF - |
Foto: Divulgação
Reunião entre Sisepar e prefeito Ronaldo Dimas

Márcia Costa //AF Notícias

Representantes do Sindicado dos Servidores Públicos Municipais de Araguaína (Sisepar) estiveram reunindos, no sábado (04), com o prefeito Ronaldo Dimas (PR) para discutir a implantação do Plano de Cargos, Carreira e Remuneração (PCCR) dos servidores do quadro geral, que inclui também os profissionais da saúde. Na ocasião foram iniciadas as negociações da data-base, que é a reposição anual da inflação.

Conforme o presidente Carlos Guimarães, ficou decidido no encontro que será refeita, nos próximos dias, uma nova tabela salarial que abrange as funções e atribuições dos profissionais, pois a atual não atende as necessidades de todas as categorias. O plano de carreira inclui direitos como a progressão salarial a cada três anos e também por nível de escolaridade (graduação, especialização, mestrado e doutorado). Isso significa que quanto maior a qualificação profissional, maior será o salário. As tratativas do PCCR com a atual gestão começaram em 2013.

O presidente destacou que as alterações propostas na reunião buscam valorizar ainda mais os servidores. “É uma luta antiga do Sindicato e esse não é o primeiro encontro que fazemos para assegurar os direitos dos servidores. Alguns Sindicatos do Estado aparecem querendo se promover com essa luta que é, na verdade, dos servidores de Araguaína juntamente com o Sisepar”, afirmou o presidente.

Guimarães assegurou o compromisso do Sindicato em lutar pelos servidores sem nenhum partidarismo político. “Precisamos lutar pelos direitos dos servidores. Tem gente que tem 30 anos de carreira e vai se aposentar agora. Com a aprovação do PCCR, estamos garantindo a esses profissionais um salário melhor”, concluiu.

Comentários pelo Facebook: