Seet
Sobral – 300×100

TCE rejeita contas da Câmara de Campos Lindos por gestão antieconômica

Agnaldo Araujo -
Foto: Divulgação
Tribunal de Contas do Tocantins

Agnaldo Araujo // AF Notícias 

O Tribunal de Contas do Estado do Tocantins (TCE-TO) rejeitou a prestação de contas do ex-presidente de Câmara Municipal de Campos Lindos (TO), Isaac Coelho de Sousa, referente ao ano de 2012, por vários fatores. A decisão da 1° Câmara foi publicada no Boletim Oficial n° 1606 da última quarta-feira (20/04).

Entre  os motivos apontados para a rejeição estão a prática de gestão ilegal, ilegítima, antieconômica e ainda diárias sem comprovação dos afastamentos.

 “A ausência de documentos essências para justificar a necessidade da despesa e comprovar a sua realização, a exemplo do relatório de viagem, é extremamente grave, pois, é uma porta aberta para o desvio de finalidade e de recursos, além de prejudicar o exercício dos órgãos de controle e da própria sociedade, de modo a causar severa ofensa aos princípios da transparência e da eficiência”, afirma o boletim. O documento ainda apresenta que a Câmara de Campos Lindos é reincidente nesta falha.

Ao ex-gestor gestor foi imputado débito no valor de R$ R$ 26.906,00 em razão do dano ao erário. R$ 2.960, 60 e ainda R$ 2.000, 00 referente a todos os atos considerados irregulares.

Já ao atual gestor foi recomendado a adoção das medidas necessárias à correção dos procedimentos inadequados analisados de modo a prevenir a ocorrência de outras semelhantes.

Comentários pelo Facebook: