Seet
Sobral – 300×100

Justiça manda Governo pagar R$ 2,5 milhões de emendas da deputada Luana Ribeiro

Redação AF -
Sede do Tribunal de Justiça do Tocantins (TJTO)

Por maioria de votos, o pleno do Tribunal de Justiça do Tocantins acatou o pedido da deputada Luana Ribeiro (PDT) e determinou que o Governo do Estado pagasse os valores restantes da emenda parlamentar impositiva individual obrigatória – no valor de cerca de  R$ 2,5 milhões/ano –  requeridos pela parlamentar.

Luana  entrou com mandado de segurança no final de 2015, solicitando a execução das emendas, conforme determina a Constituição do Estado quanto ao orçamento impositivo, que vincula a execução das emendas parlamentares ao orçamento do Poder Executivo. Além de ordenar o empenho das emendas, a justiça determinou ainda o pagamento dos valores já empenhados e não liquidados.  

Foto: Divulgação
Deputada impetrou Mandado de Segurança

“Entramos com mandado de segurança, que foi aceito pela justiça e agora o governo tem que cumprir as emendas. Caso não faça, estará descumprido decisão judicial”, disse Luana. Para ela, a vitória maior é para os municípios. “As emendas são recursos para obras e benefícios nos municípios. Nossa população ganha com isso”, comemorou.

Entenda

A execução das emendas  é obrigatória, prevista na Constituição Estadual. E mesmo com a imposição determinada em Lei, o Executivo não estava repassando os recursos. Em dezembro de 2015, Luana Ribeiro entrou com um mandado de segurança no Tribunal de Justiça requerendo o pagamento de suas emendas. A decisão cabe recurso e abre precedentes para demais parlamentares. (Ascom)

Comentários pelo Facebook: