Unidade prisional é dedetizada após surto de doença infectar mais de 250 detentos

Agnaldo Araujo - | - 531 views
Foto: Loise Maria/DPE
CPP de Paraíso é dedetizada para conter surto de sarna entre os detentos

Nielcem Fernandes // AF Notícias

A Casa de Prisão Provisória de Paraíso do Tocantins está passando por dedetização nesta segunda-feira (25) após a Defensoria Pública do Estado (DPE) ter denunciado à imprensa um surto de sarna que infectou mais de 250 detentos, uma doença infecciosa e transmissível.

Um das possibilidades para a proliferação da doença é a superlotação da unidade, que tem capacidade para 54 detentos, mas está atualmente com 318 – 600% acima da sua capacidade, segundo a Defensoria.

Foto: Divulgação CPP de Paraíso
Durante a dedetização os detentos serão abrigados na área reservada para o banho de sol

Os trabalhos de dedetização estão sendo realizados por equipes técnicas das Secretarias de Estado da Cidadania e Justiça (Seciju), da Saúde (SES) e da Prefeitura do município.

Como a unidade possui quatro pavilhões, os presos vão se revezando na área de banho de sol durante a higienização das celas.

“Os internos devem ficar fora das celas no mínimo por duas horas, devido ao poder tóxico do inseticida”, explica o diretor da unidade, Wellson Rego da Silva.

Na terça-feira (26), serão realizados testes rápidos e, após a avaliação e o diagnóstico, na quarta-feira (27), uma equipe médica estará na unidade prisional para medicar os internos infectados.

Foto: Divulgação
CPP de Paraíso está passando por dedetização

A Seciju disse que quatro novas celas foram construídas e estão em fase de finalização para maior oferta de vagas na unidade, bem como a ampliação do alojamento dos internos em regime semiaberto. O objetivo é minimizar a questão do excedente carcerário. Uma das celas que deveria comportar sete homens, abriga atualmente 31.

Ainda segundo a secretaria, cadeias públicas que estavam desativadas também estão sendo reestruturadas e ainda estão previstas as construções de novas unidades.

Mais de 250 presos da CPP de Paraíso estão com doença infecciosa e transmissível

Imagem surpreendente mostra detentos amontoados dentro de cela no Tocantins

Comentários pelo Facebook: