Vereador suspeito de ser servidor ‘fantasma’ em prefeitura é denunciado ao MPE e TCE

Agnaldo Araujo - |
Foto: Divulgação
Vereador Núbio Gomes

Márcia Costa//AF Notícias

O vereador Núbio Gomes (PSD) foi denunciado ao Ministério Público Estadual (MPE) e ao Tribunal de Contas do Tocantins (TCE) por suspeita de ser um servidor ‘fantasma’ na Prefeitura de Miracema.

A denúncia foi feita pelo colega de parlamento, o também vereador Cirilo Douglas, nesta terça-feira (07).

Conforme a denúncia, Núbio Gomes é auxiliar-administrativo na Secretaria de Esportes e Lazer desde o ano de 2003, recebe salário normalmente, mas não estaria exercendo o cargo atualmente. Ele é aliado político do prefeito Moisés Costa.

O autor da denúncia já pediu esclarecimentos e documentos que comprovem o efetivo trabalho do vereador como servidor público municipal.

Segundo Cirilo Douglas, o vereador denunciado viajou para Brasília de 22 a 28 de abril deste ano, a serviço da Câmara Municipal, e recebeu diárias de R$ 3 mil, no entanto, não teve nenhum desconto na folha salarial do cargo de auxiliar-administrativo mesmo não tendo comparecido ao trabalho. “Ele não teria direito de receber a remuneração integral”, disse.

Ainda conforme Cirilo Douglas, a população de Miracema precisa de uma resposta. “Como representante do povo, meu papel é fiscalizar. É necessário descobrir se esse vereador está exercendo realmente um cargo fantasma e ainda tirando proveito do dinheiro do povo, aproveitando a farra das diárias”, afirmou.

Outro lado

O AF Notícias entrou em contato com o vereador Núbio Gomes, mas não obteve resposta até a publicação da reportagem.

Foto: Divulgação
Vereador Núbio Gomes em Brasília
Foto: Divulgação
Diária recebida pelo vereador Núbio Gomes
Foto: Divulgação
Vereador Núbio Gome lotado na prefeitura de Miracema
Foto: Divulgação
Folha de pagamento do vereador Núbio Gomes

Comentários pelo Facebook: