Vou de táxi: Campanha busca evitar acidentes durante a Expoara em Araguaína

Agnaldo Araujo - | - 822 views
Foto: Marcos Filho
Os preços serão fixos

Com o objetivo de evitar acidentes e reduzir os índices de infrações de trânsito durante a 50ª Exposição Agropecuária de Araguaína (Expoara), a campanha ‘Vou de Táxi’ incentiva os motoristas a deixarem os seus veículos em casa.

A campanha é realizada pela Secretaria Municipal do Desenvolvimento Econômico, em parceria com a Associação dos Taxistas. A Expoara ocorrerá de 7 a 17 de junho.

Durante a feira, os taxistas participantes da campanha utilizarão uma tabela de preços promocionais para incentivar o uso do serviço de transporte.

De acordo com o assessor técnico do Desenvolvimento Econômico, Ronaldo Carvalho, a campanha também vai melhorar o fluxo de veículos pelo local e a segurança. “O trecho de acostamento da Avenida Dom Emanuel ficará para os veículos de segurança e emergência, e para embarque e desembarque de passageiros dos táxis”, informou.

A campanha tem apoio do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), do Sindicato Rural de Araguaína (SRA), da cooperativa de táxis, Polícia Militar (2º BPM) e da Agência de Segurança, Transporte e Trânsito (ASTT).

Atendimento qualificado

Os participantes da ‘Vou de Táxi’ utilizarão um adesivo de identificação da campanha. De acordo com o vice-presidente da associação dos taxistas de Araguaína, Santólio Lima Júnior, os motoristas passarão por um treinamento realizado pelo Sebrae.

Ele também afirmou que haverá fiscalização e punição para aqueles que cobrarem preços acima dos valores tabelados. As denúncias por descumprimento podem ser feitas pelo telefone (63) 99235-6040.

“Nos anos passados, ficou à disposição do taxista cobrar o preço que quisesse. Neste ano, a tabela vai dar mais segurança para o cliente, podendo beber e curtir melhor a festa. Faremos um revezamento entre os 300 taxistas associados, serão 170 por noite e até 270 nos dias de maior movimentação”, afirmou.

Valor por setores

R$ 15 – Oeste, São Miguel, Martim Jorge, Jardim Esplanada, Anhanguera, Rodoviário, Itatiaia, Aeroporto, Jardim Santa Helena, Santa Mônica, Jardim Paulista, Jardim Palmeiras, Urbano, Eldorado, Carajás.

R$ 20 – Céu Azul, Itaipu, Vitória, Jardim das Flores, Vila Ribeiro, Tiúba, Bouganville, Morada do Sol 1, Tereza Hilário Ribeiro, Araguaína Sul 1 e 2, Vila Cearense, Jardim dos Ipês 1, 2 e 3, Jardim Europa, Pedra Alta, Sonhos Dourados, Entroncamento, Neblina, Dom Orione, Noroeste, Bairro São João, São Pedro, Itapuã, Setor Couto, Brasil e Cimba

R$ 25 – Morada do Sol 2, Presidente Lula, Vila Couto, Vila Norte, Maracanã, Universitário, Vila Goiás, Bela Vista

R$ 30 – Bairro de Fátima, Monte Sinai, Lago Sul 1, 3 e 4, Vila Azul, Xixebal

R$ 35 – Costa Esmeralda

R$ 40 – Barra da Grota

R$ 50 – Pontes, Daiara, Água Amarela e Novo Horizonte

(Flávio Martin)

Comentários pelo Facebook: