Polêmica do IPTU

Bonifácio chama Amastha de 'defensor dissimulado da elite' e elogia atitude da OAB

Por Redação AF
Comentários (0)

28/02/2018 11h06 - Atualizado há 1 semana
Nielcem Fernandes//AF Notícias O deputado estadual José Bonifácio (PR) teceu críticas severas à postura do prefeito de Palmas e pré-candidato a governador do Tocantins, Carlos Amastha (PSB), durante sessão da Assembleia Legislativa do Tocantins na tarde dessa terça-feira (27). As críticas vieram após a tentativa do prefeito de descredibilizar a Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Tocantins, na pessoa do presidente Walter Ohofugi, que impetrou Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) contra o aumento abusivo do IPTU em Palmas. Bonifácio disse que a Ordem agiu em defesa dos interesses dos cidadãos palmenses e chamou Amastha de 'defensor da elite'. - "Não pode um cidadão que representa uma das mais respeitadas entidades de nosso Brasil, a OAB Tocantins, ser desacatado por ter a audácia de assumir a defesa do povo, foi xingado e chamado de mentiroso. Aí o desagregador (Amastha) ainda vai falar mal da OAB Nacional que promoveu um desagravo. O que eu lamento é que certos membros da elite, que representa os ricos e inclusive algumas entidades, das quais o prefeito é um defensor dissimulado, se juntam para defender os próprios interesses e tentar desmoralizar o cidadão que hoje pode ser considerado um herói por defender os desvalidos e desamparados tocantinenses", criticou. Desagravo Aprovado por unanimidade pelos conselheiros federais, o desagravo ao presidente Walter Offugi ocorrerá na sede da OAB de Tocantins, em Palmas, e reunirá os dirigentes da OAB Nacional, conselheiros federais e estaduais e presidentes de Seccionais. A data ainda será marcada. O relator do desagravo foi o conselheiro Siqueira Castro, do Rio de Janeiro, que chegou a comparar a postura de Amastha com a de Donald Trump, presidente dos Estados Unidos. "Curioso como certas pessoas, homens públicos, se encantam em administrar a coisa pública pelo Twitter, como presidente Donal Trump, nos Estados Unidos", frisou. O desagravo público é um direito do advogado ofendido no exercício da profissão ou em razão dela, como prevê o Estatuto da Advocacia (Lei 8.096/04). Entenda Via Twitter, no último dia 22, Amastha disparou ofensas e xingamentos chamando Ohofugi de "oportunista e mentiroso". No mesmo dia, o prefeito ainda acusou o presidente da OAB-TO de usar o cargo para defender o interesse dos seus clientes. "Defenda o povo... não use a OAB para defender seus clientes", disse na rede social. O IPTU de Palmas teve reajuste de até 300% em relação ao ano anterior. OAB-TO O presidente Walter Ohofugi agradeceu a solidariedade da advocacia de todo o país pelo respaldo e lamentou que esse triste episódio fosse levado ao Conselho Federal. "Só tenho a lamentar que um homem público, o qual a população de Palmas confiou dois mandatos, se porte desse jeito, com xingamentos e falta de educação. A OAB agiu em defesa da sociedade e da advocacia e sempre será assim na nossa gestão", ressaltou Ohofugi.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.