Mega Operação

Maior operação da história contra pedofilia cumpre vários mandados no Tocantins

Por Agnaldo Araujo
Comentários (0)

17/05/2018 10h38 - Atualizado há 2 meses
Nielcem Fernandes // AF Notícias Foi deflagrada na manhã dessa quinta-feira (17) a Operação Luz na Infância 2, realizada simultaneamente em 24 estados mais Distrito Federal. Ao todo, mais de 500 mandatos de busca e apreensão serão cumpridos por cerca de 1.500 policias civis em todo o País. As equipes procuram arquivos com conteúdos relacionados a crimes de exploração sexual contra crianças e adolescentes. A força-tarefa é coordenada pelo Ministério Extraordinário da Segurança Pública (MESP). De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Estado, no Tocantins estão sendo cumpridos mandados de busca e apreensão na capital Palmas desde as primeiras horas da manhã. Durante o cumprimento dos mandatos, caso os polícias encontrem elementos que apresentem indícios suficientes, o responsável pelo material é preso em flagrante pelo crime de pedofilia e exploração sexual infantil e adolescente. Computadores, Tablet´s, Celulares e todo e qualquer dispositivo eletrônico que possa armazenar informações serão recolhidos e periciados minuciosamente pela polícia. A frente da operação no Tocantins está a Delegacia de Repressão a Crimes Cibernéticos (DRCC) que instauraram inquéritos e solicitaram aos juízes locais a expedição dos mandados. Policiais das equipes da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) também participam das diligências. Mais informações serão divulgadas ao longo do dia. Operação Luz na Infância Na primeira edição da Operação Luz na Infância, realizada em 20 de outubro de 2017, foram cumpridos 157 mandados de busca e apreensão de computadores e arquivos digitais. Durante a apreensão desses materiais nos 24 estados e DF, foram identificadas e presas 112 pessoas que utilizavam esses equipamentos para produzir, guardar ou compartilhar conteúdos de pedofilia na internet. Aquela operação foi resultado de seis meses de levantamentos e investigações coordenados pela Senasp/MESP, em conjunto com as agências de inteligência das Polícias Civis. Luz na Infância – A operação foi intitulada Luz na Infância por serem bárbaros e obscuros os crimes contra a dignidade sexual de crianças e adolescentes. Os acusados deste tipo de delito agem nas sombras da internet e devem ter suas condutas elucidadas e julgadas, como a de qualquer criminoso. Com informações SSP - TO

Comentários (0)

Mais Notícias

Aragominas

Jovem que degolou homem bêbado causava pânico no norte do Estado, diz polícia

A vítima foi assassinada na segunda-feira (12) após passar o final de semana ingerindo bebida alcoólica.

Prisão

Sedutoras, mulheres pediam carona para roubar caminhoneiros no norte do Estado

As mulheres já são conhecidas pela prática criminosa e usam todas as artimanhas.

Araguaína

Homem é preso duas vezes tentando furtar o mesmo supermercado em Araguaína

Dois comparsas também foram presos em flagrante dando cobertura para o furto.

Aragominas

Homem é preso suspeito de aterrorizar e tentar estuprar mulheres no meio da rua

O suspeito disse à polícia que 'galanteava' as mulheres só quando estava bêbado.

Ressocialização

Detentos aprendem a fazer blocos de concreto na própria prisão e reduzem pena

Os artefatos, inicialmente, serão utilizados na melhoria da estrutura da unidade.

Em 2017

Homem é preso suspeito de matar o avô da esposa a pauladas após discussão

O crime teria sido motivado em razão de supostos maus-tratos que a bisneta estaria sofrendo.

Barra da Grota

Seciju tenta identificar celular utilizado para filmar homenagem a bandido morto

O vídeo mostra vários supostos integrantes do PCC reunidos no Presídio Barra da Grota em homenagem ao criminoso.

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.