Operação

Operação da PF combate caça e comércio ilegal de animais silvestres no Tocantins e mais 4 estados

A investigação teve início após uma apreensão de pássaros em Cariri (TO) em 2018.

Por Redação
Comentários (0)

13/02/2020 09h30 - Atualizado há 1 semana
Operação ocorre em 5 Estados

Uma operação da Polícia Federal deflagrada na manhã desta quinta-feira (13) visa desarticular uma organização criminosa envolvida em caça e comércio ilegal de animais silvestres. 

Aproximadamente 20 policiais federais cumprem dois mandados de prisão preventiva e três mandados de busca e apreensão, expedidos pela Justiça Federal em Gurupi (TO), nos municípios mineiros de Contagem, Ribeirão das Neves e João Pinheiro.

Segundo a PF, a investigação teve início após uma apreensão de pássaros realizada pela Polícia Rodoviária Federal em Cariri (TO) em 2018.

Os indícios reunidos até agora indicam que a organização compra reiteradamente grandes quantidades de animais silvestres nos Estados da Bahia, Tocantins e Pará e os revende nos grandes centros, a exemplo de Belo Horizonte (MG) e São Paulo (SP).

Os investigados devem responder pelos crimes de caça ilegal, receptação e organização criminosa.

A operação foi batizada de ‘Araracanga’.

Operação se chama Araracanga
Agente da PF

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2020 AF Notícias. Todos os direitos reservados.