Tocantins

PMs acusados de integrar milícia para matar assaltantes são julgados em Colinas

Por Agnaldo Araujo
Comentários (0)

23/11/2016 14h42 - Atualizado há 2 semanas
Ocorre em Colinas do Tocantins, nesta quarta-feira (23/11), o julgamento de quatro acusados de fazerem parte de uma milícia. Entre eles estão dois policiais. Segundo o inquérito de investigação, eles teriam cobrado R$ 6 mil de um empresário para matar um adolescente. O jovem teria assaltado o empresário. Os envolvidos são: o policial afastado Francisco de Assis Duarte do Nascimento, o cabo Gildevan das Neves Sales, Luciano Gomes Santos, o "Dadá", e o auxiliar de serviços gerais Deusiran da Silva Sousa. Segundo informações, o grupo não teria encontrado o suspeito na cidade e acabou atirando no irmão do adolescente, Thalys Sousa Costa, que não tinha passagem pela polícia. Por causa do tiro, Thalys ficou tetraplégico e está em cadeira de rodas. Os policiais ainda teriam ofertado seus serviços para outras vítimas de assalto na cidade. Há cerca de 40 dias, uma audiência de instrução foi realizada em Colinas para ouvir os acusados. O resultado do julgamento deve sair até o fim da tarde desta quarta-feira (23/11).

Comentários (0)

Mais Notícias

Violência

Homem é executado a tiros enquanto andava de bicicleta pelas ruas de Araguaína

A polícia afirmou que o homem era usuário de drogas e morreu ainda no local onde foi alvejado pelos disparos.

Em Araguaína

Presos que simularam suicídio ao matar colega de cela são condenados a 20 anos

O crime ocorreu em novembro de 2014. Os condenados ainda tentaram simular que a vítima havia cometido suicídio.

Homicídio

Homem é executado a tiros no meio da rua no setor Planalto em Araguaína

A vítima seria conhecida como ‘Malaia’, mas ainda não teve a identidade confirmada.

Justiça

Homem que furtou dois desodorantes não responderá por crime no Tocantins

Os funcionários do supermercado perceberam a ação e perseguiram o suspeito.

Crime bárbaro

Pai e filho são carbonizados e mãe degolada na própria chácara no Tocantins

A polícia investiga se o caso é um homicídio ou latrocínio. O carro da família também foi queimado.

Jogo de sinuca

Aposta em bar termina em confusão e homem baleado na cabeça no norte do Estado

Os dois discutiram, o autor atirou na cabeça da vítima e tentou fugir, mas foi encontrado nas proximidades do bar.

Araguaína

Corpo de homem é encontrado com marcas de tiros em rua do Setor Presidente Lula

Profissionais do Samu foram acionados, mas apenas constataram o óbito.

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.