Operação Intramuros

Principal traficante de cocaína do Vale do Araguaia é capturado pela polícia do Tocantins

Ele já havia sido condenado por tráfico interestadual de drogas e era foragido da CPPP.

Por Redação 1.089
Comentários (0)

20/04/2019 08h17 - Atualizado há 1 mês
Traficante preso

Foi preso na manhã desta sexta-feira (19) um criminoso considerado um dos principais traficantes de cocaína da região do Vale do Araguaia e um dos 75 investigados na Operação Intramuros, deflagrada na última segunda-feira (15) pela Polícia Civil do Tocantins.

M. B. da L. foi preso em Rondonópolis (MT) por agentes da Delegacia de Roubos e Furtos da cidade. Ele já havia sido condenado por tráfico interestadual de drogas e era foragido da Casa de Prisão Provisória de Paraíso do Tocantins.

A operação já soma 62 pessoas presas. De acordo com o delegado Eduardo de Menezes, responsável pela ação, três presos fugiram da  CPP de Paraíso no dia 1° de novembro de 2018 após romperem as grades do teto da cela.

Segundo o apurado na ocasião, a fuga se deu em meio à visitação que é realizada na unidade prisional todas as quintas e sextas-feiras. “Antes de fugir, o preso já era investigado como sendo um dos integrantes de organização criminosa alvo da Operação Intramuros responsável por, do interior do estabelecimento prisional, seguir comandando o tráfico na região do Vale do Araguaia”, afirmou.

O delegado também disse que durante os seis meses de investigações os policiais delinearem toda a dinâmica criminosa da facção e conseguiram identificar uma residência na cidade de Rondonópolis como local de esconderijo utilizado pelo foragido.

A equipe da Delegacia Estadual de Investigações Criminais (DEIC de Paraíso) repassou as informações aos integrantes da Delegacia de Furtos e Roubos do município mato-grossense e os agentes fizeram a prisão”, disse.

Conforme o delegado, M. B. da L. chegou a ser preso em fevereiro deste ano em Jaciara, município de Mato Grosso localizado a 70km de Rondonópolis. No entanto, por estar usando documentos falsos, foi posto em liberdade após realizada a audiência de custódia.

A DEIC de Paraíso informou ainda que ele será recambiado para o Tocantins. A Operação Intramuros já prendeu pessoas nos estados de Goiás, Piauí, Tocantins, Pará e agora Mato Grosso. 

+ Mulher integrante de facção nacional é presa em megaoperação no Tocantins

+ Megaoperação prende 60 criminosos e principais líderes de facção no Tocantins

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2019 AF Notícias. Todos os direitos reservados.