3ª onda da pandemia

Araguaína bate novo recorde de casos de Covid-19 e reativa 20 leitos em hospitais

A cidade confirmou quase 370 casos apenas em 24 horas.

Por Redação 1.723
Comentários (0)

28/01/2022 11h27 - Atualizado há 3 meses
A taxa de ocupação dos leitos de UTI adulto chegou a 80% e dos leitos clínicos 50%

Araguaína registrou nessa quarta-feira (26) o maior número de casos diários de Covid-19 desde o início da pandemia. Foram 369 novas confirmações. O maior pico havia sido registrado em 10 de junho do ano passado, com 323 novos casos, conforme dados da Secretaria da Saúde de Araguaína.

De acordo com último boletim epidemiológico, o Município chegou ao total de 2.424 casos ativos da doença. O documento também apontou uma ocupação de 80% dos leitos de UTI (unidade de terapia intensiva) adulto do município e 50% dos leitos clínicos, levantando um alerta para o reforço sobre os cuidados de combate à pandemia.

Aumentamos o número de unidades de referência, o horário de atendimento para pacientes suspeitos e ainda ampliamos os números de leitos no Hospital Municipal de Campanha, de 10 foram para 20 leitos clínicos, e reativamos a ala covid pediátrica com 10 leitos no Hospital Municipal”, explicou a secretária da Saúde, Ana Paula Abadia.

O Tocantins está enfrentando a 3ª onda da pandemia e vem batendo novos recordes de novos casos a cada dia. Veja no gráfico abaixo:

Nesta sexta-feira (28), o Tocantins contabilizou 2.368 novos casos confirmados da Covid-19, sendo 1.075 das últimas 24 horas. Maioria em Palmas (652), Araguaína (320), Paraíso do Tocantins (167), Gurupi (146) e Porto Nacional (91).

O Estado acumula 264.904 casos confirmados desde o início da pandemia. Atualmente, 12.643 pacientes estão em isolamento domiciliar ou hospitalar e 3.993 foram a óbito.

Atendimento

Araguaína possui duas UBS exclusivas para atender a população com sintomas gripais ou suspeita da covid-19, sendo a Dr. José Rezende no Setor Céu Azul e a UBS do Araguaína Sul, ao lado da UPA. Os locais revezam o atendimento aos sábados, das 8 às 16 horas, e durante a semana, de segunda a sexta-feira, o funcionamento é das 7 às 19 horas, sem intervalo.

Vacinação

Outra estratégia da Secretaria da Saúde foi ampliar a vacinação contra a covid-19 para mais grupos, atendendo meninos e meninas que tenham 10 e 11 sem comorbidades, e os que tenham de 5 a 11 anos que são indígenas, quilombolas ou que vivem em lar com pessoas de alto risco para evolução da doença.

Conforme dados do Integra Saúde, das mais de 320 mil doses recebidas em Araguaína, foram aplicadas 255.006, chegando ao número de 129.102 pessoas vacinadas com a primeira dose, 102.953 com a segunda e 18.605 receberam a dose de reforço.

Sanitização

Desde o último dia 6 de janeiro, a Defesa Civil de Araguaína está realizando diariamente o trabalho de sanitização em prédios e unidades públicas. O serviço foi intensificado nos hospitais municipais, unidades básicas de saúde, rodoviária, escolas, secretarias e nos prédios da Prefeitura.  Outros locais com maior fluxo de pessoas como comércio, agências lotéricas e instituições bancárias também estão sendo sanitizados.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2022 AF Notícias. Todos os direitos reservados.