Alessandro Borges

Em decisão unânime, TCE aprova duas contas da gestão do prefeito de Muricilândia

'É uma gestão pautada na transparência e na legalidade', disse o gestor.

Por Redação 623
Comentários (0)

25/10/2021 11h12 - Atualizado há 1 mês
Contas de 2017 e 2018 do prefeito Alessandro Borges são aprovadas pelo TCE

As contas consolidadas referentes aos dois primeiros anos da gestão do atual prefeito de Muricilândia, Alessandro Borges (PL) -- 2017 e 2018, foram aprovadas pela 5ª Relatoria do Tribunal de Contas do Estado do Tocantins (TCE).

O julgamento aconteceu na última quarta-feira (20/10), seguindo o voto favorável do relator substituto Leondiniz Gomes. A decisão foi unânime.

Ao analisar a prestação de contas, o TCE emite parecer relacionado à gestão contábil, financeira, orçamentária e patrimonial do Município. No caso de Muricilândia, o órgão de fiscalização não encontrou nenhuma irregularidade.

Conforme a decisão, a gestão do prefeito Alessandro Borges cumpriu os princípios e normas administrativas, constitucionais e previdenciárias, bem como a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). O contador responsável pela prestação de contas do município é Wanderson Ferreira.

“Nossa gestão tem sido técnica e com muito respeito ao dinheiro público. Investimos cada centavo que entra nos cofres da prefeitura em prol da nossa população e prestamos contas de tudo aos órgãos de fiscalização. É uma gestão pautada na transparência e na legalidade”, destacou Alessandro Borges.

Já os balancetes do ex-prefeito Jair Luiz Montes, o antecessor de Alessandro Borges, foram reprovados pelo TCE. Outros municípios também tiveram as contas rejeitadas na semana passada. 

VEJA MAIS

 

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2021 AF Notícias. Todos os direitos reservados.