Cleomar de Alencar

Candidata a prefeita não comprova quitação eleitoral e fica fora da disputa em Xambioá

O partido pode indicar outra pessoa para substituir a candidata.

Por Redação 2.015
Comentários (0)

26/10/2020 15h34 - Atualizado há 1 mês
Cleomar Barros

A Justiça Eleitoral indeferiu o registo de candidatura de Cleomar de Alencar Barros (Republicanos) à Prefeitura de Xambioá, norte do Tocantins, por ausência de comprovação de quitação eleitoral.

A decisão foi proferida pelo juiz Fabiano Ribeiro, da 12ª Zona Eleitoral, neste domingo (25).

A certidão de quitação eleitoral é um documento que tem o objetivo de comprovar que a pessoa está em dia com a Justiça Eleitoral. Isso significa que o cidadão não possui restrição no que se refere à plenitude do gozo dos direitos políticos, ao regular exercício do voto, à inexistência de multas aplicadas pela Justiça Eleitoral e à apresentação de contas de campanha eleitoral. 

Inicialmente, o juiz constatou a ausência de documento de identificação válido e de quitação eleitoral da postulante ao cargo de prefeita.

Cleomar Barros foi intimada sobre as pendências e apresentou documento de identificação, mas não se manifestou a respeito da ausência de quitação eleitoral. Assim, seu pedido de registro de candidatura foi indeferido. 

O juiz determinou que o Republicanos seja intimado para substituir Cleomar na disputa pela Prefeitura de Xambioá, caso queira.

Agora, a corrida eleitoral segue com Patrícia Evelin (DEM), Jardel Rocha (Cidadania) e Igor Leite (MDB) - todos com registro já deferido pela Justiça Eleitoral.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2020 AF Notícias. Todos os direitos reservados.