Presidente Kennedy

Casal pega 22 anos de prisão por assaltar Correios e fazer gerente refém no Tocantins

O crime ocorreu em janeiro de 2018. A dupla foi presa no momento em que tentava fugir em um veículo furtado.

Por Redação 1.228
Comentários (0)

29/01/2019 16h40 - Atualizado há 1 ano
Casal tentando fugir com a gerente

A Justiça condenou o casal Romário Gomes Calmon e Naessa Alvarenga Antunes a 22 anos de prisão pelo roubo de R$ 120 mil de uma agência dos Correios na cidade de Presidente Kennedy, norte do Tocantins.

O crime ocorreu no dia 4 de janeiro de 2018. Durante a ação, o casal fez a gerente refém, furtou um veículo para tentar fugir, mas foi preso logo em seguida pela Polícia Militar.

Após conseguirem o dinheiro, os acusados foram até a porta de saída da agência com uma arma na cabeça da gerente e caminharam até um veículo que estava nas proximidades.

Conforme o processo, Romário Gomes sentou no banco traseiro com a refém e sua comparsa ficou na direção do carro. No entanto, os policias militares chegaram rapidamente e balearam a assaltante. O casal foi preso em seguida.

Romário e Naessa foram condenados por roubo majorado e furto qualificado.  A sentença foi proferida pelo juiz Carlos Roberto de Sousa Dutra, nesta terça-feira (29). Cabe recurso. 

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2020 AF Notícias. Todos os direitos reservados.