Dez réus condenados no processo do mensalão apresentam-se à Polícia Federal

Por Redação AF
Comentários (0)

16/11/2013 12h06 - Atualizado há 1 mês
<div style="text-align: justify;"> <span style="font-size:14px;">O ex-vice-presidente do Banco Rural Jos&eacute; Roberto Salgado apresentou-se &agrave; Pol&iacute;cia Federal, em Belo Horizonte (MG), no final da noite dessa sexta-feira (15). Salgado e outros 11 condenados na A&ccedil;&atilde;o Penal 470, o processo do mensal&atilde;o, tiveram a pris&atilde;o decretada pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa. Dos 12 mandados de pris&atilde;o expedidos pelo Supremo, dez foram cumpridos. O ex-tesoureiro do PT Del&uacute;bio Soares e o ex-diretor de Marketing do Banco Brasil Henrique Pizzolato ainda n&atilde;o foram presos.<br /> <br /> Al&eacute;m do ex-vice-presidente do Banco Rural, condenado a 16 anos e oito meses pelos crimes de forma&ccedil;&atilde;o de quadrilha, lavagem de dinheiro e evas&atilde;o de divisas, est&atilde;o presos tamb&eacute;m: o ex-ministro da Casa Civil, Jos&eacute; Dirceu, que apresentou-se &agrave; Superintend&ecirc;ncia da Pol&iacute;cia Federal em S&atilde;o Paulo; o publicit&aacute;rio Marcos Val&eacute;rio, K&aacute;tia Rabello, ex-presidenta do Banco Rural , o ex-deputado federal Romeu Queiroz (PTB-MG) e Ramon Hollerbach, ex-s&oacute;cio de Marcos Val&eacute;rio, que entregaram-se em Belo Horizonte (MG); e Jacinto Lamas, ex-tesoureiro do PL (atual PR), que apresentou-se &agrave; PF em Bras&iacute;lia.<br /> <br /> O deputado federal Jos&eacute; Genoino (PT-SP) entregou-se tamb&eacute;m em S&atilde;o Paulo. Simone Vasconcelos, ex-funcion&aacute;ria do publicit&aacute;rio Marcos Val&eacute;rio; Cristiano Paz e Ramon Hollerbach , ex-s&oacute;cios de Val&eacute;rio, apresentaram-se em Belo Horizonte (MG).<br /> <br /> A PF vai transferir todos os presos para Bras&iacute;lia durante o fim de semana em avi&atilde;o pr&oacute;prio, mas os r&eacute;us poder&atilde;o pedir para cumprir a pena nas cidades onde moram. A execu&ccedil;&atilde;o das penas ser&aacute; feita pelo juiz da Vara de Execu&ccedil;&otilde;es Penais do Distrito Federal.</span></div>
ASSUNTOS

Comentários (0)

Mais Notícias

De olho nas oportunidades

Vagas temporárias: qual o perfil das pessoas a serem contratadas no Tocantins?

50% dos comerciantes preferem contratar mulheres para ocuparem os cargos.

Danos morais

Empresas são condenadas por negativar nome de mulher falecida no Tocantins

A suspensão das cobranças deveria ter sido feita logo após o óbito por conta de seguro.

Profissões

Top 20: Profissões que mais avançaram nos últimos anos e outras que sumiram

Nas que mais avançaram, há uma predominância de atividades voltadas para a saúde.

Oportunidades

230 vagas de emprego para Palmas, Araguaína e mais sete cidades do Tocantins

As cidades que têm mais vagas disponíveis são Araguaína, com 64, Palmas, 56, e Taquaralto, 26.

Política

Bolsonaro cogita Sérgio Moro no Supremo Tribunal Federal, diz presidente do PSL

Bebianno é cotado para ser ministro da Justiça num eventual governo Bolsonaro.

3ª Corrida da Justiça

Cerca de 1.000 atletas participam de tradicional prova noturna no Tocantins

Os corredores se dividiram em dois trajetos (5 e 10 km) finalizando na na Praça dos Girassóis.

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.