Duas escolas do Tocantins estão entre as 10 piores do Brasil no Enem; veja ranking em Araguaína

Por Redação AF
Comentários (0)

06/08/2015 10h05 - Atualizado há 1 semana
<span style="font-size:14px;"><u>Da Reda&ccedil;&atilde;o</u><br /> Portal AF Not&iacute;cias&nbsp;</span><br /> <br /> <div> <span style="font-size:14px;">O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (INEP) divulgou o resultado por escola do Exame Nacional do Ensino M&eacute;dio (ENEM) referente ao ano de 2014. Ao todo, duas escolas do Tocantins est&atilde;o entre as dez com as piores m&eacute;dias do Brasil.<br /> <br /> Em 8&ordm; lugar no ranking nacional ficou a Escola Estadual Pedro Ludovico Teixeira, em Mauril&acirc;ndia do Tocantins, que teve o pior desempenho no Estado, com 423,29 pontos de m&eacute;dia na prova objetiva e 277,89 na reda&ccedil;&atilde;o. A escola tem 303 alunos do 6&ordm; ano do ensino fundamental ao 3&ordm; ano do m&eacute;dio, e o n&iacute;vel socioecon&ocirc;mico deles &eacute; considerado como &#39;m&eacute;dio baixo&#39;.<br /> <br /> A segunda escola tocantinense, a Estadual Ministro Ney Braga, em Buriti do Tocantins, ficou em 10&ordm; lugar entre as piores m&eacute;dias do pa&iacute;s, com 424,65 na prova objetiva e 253,33 na reda&ccedil;&atilde;o. O n&iacute;vel socioecon&ocirc;mico dos estudantes, segundo o levantamento, &eacute; &#39;baixo&#39;.<br /> <br /> J&aacute; as melhores m&eacute;dias do Tocantins s&atilde;o de col&eacute;gios particulares e est&atilde;o com o indicador socioecon&ocirc;mico entre &#39;muito alto&#39; e &#39;alto&#39;. J&aacute; as dez piores s&atilde;o todas da rede estadual e est&atilde;o entre &#39;m&eacute;dio&#39; e &#39;baixo&#39; no n&iacute;vel socioecon&ocirc;mico.<br /> <br /> <strong><u>Ranking em Aragua&iacute;na</u></strong></span><br /> <br /> <span style="font-size:14px;">Em Aragua&iacute;na somente seis escolas conseguiram nota superior a 500 pontos (nota m&aacute;xima &eacute; 1.000) nas provas objetivas &#8210; quatro delas da rede privada e uma federal. Em primeiro lugar ficou o rec&eacute;m-aberto Col&eacute;gio Olimpo, com 608,8 pontos, deixando em segundo lugar o Col&eacute;gio Santa Cruz que liderou nas outras edi&ccedil;&otilde;es do exame. Neste ano, o Santa Cruz, que tem padr&atilde;o socioecon&ocirc;mico muito alto, obteve 562,3 pontos, nota menor que o ano passado, quando conseguiu 573,3.<br /> <br /> Em terceiro lugar aparece o Instituto Federal do Tocantins (IFTO) campus de Aragua&iacute;na, com 557,1 pontos, mais alta que na edi&ccedil;&atilde;o de 2013, quando ficou na 4&ordf; posi&ccedil;&atilde;o com 548 pontos.<br /> <br /> Em quarto lugar est&aacute; o Educand&aacute;rio Objetivo, com 513,4 pontos. Os alunos s&atilde;o considerados de padr&atilde;o socioecon&ocirc;mico alto, segundo o Inep. A escola tamb&eacute;m caiu o rendimento no exame, se comparada com a edi&ccedil;&atilde;o de 2013, quando obteve 530,7 pontos.<br /> <br /> O quinto lugar ficou com o Col&eacute;gio Adventista com 505,3 pontos. A escola tem alunos com padr&atilde;o muito alto e tamb&eacute;m registrou queda no desempenho do Enem, comparado com a edi&ccedil;&atilde;o de 2013. Naquele ano, o Col&eacute;gio Adventista havia conseguido 523,0 pontos.<br /> <br /> <u><strong>P&uacute;blicas</strong></u><br /> <br /> A boa not&iacute;cia &eacute; que todas as escolas da rede estadual conseguiram notas melhores que a edi&ccedil;&atilde;o anterior. O destaque foi para o Col&eacute;gio Pr&eacute;-Universit&aacute;rio que conseguiu m&eacute;dia de 501,1 pontos. A escola ficou em 6&ordm; lugar no ranking de p&uacute;blica e privadas de Aragua&iacute;na e em 5&ordm; lugar no ranking de escola estadual do Tocantins. Os alunos da escola sofreram no ano passado e estiveram na emin&ecirc;ncia de ter a escola fechada pelo Governo. Eles protestaram e conseguiram manter a escola aberta. <em>(Com informa&ccedil;&otilde;es do Aragua&iacute;na Not&iacute;cias)</em><br /> <br /> <img alt="" src="http://www.afnoticias.com.br/administracao/files/images/ranking_enem_2014_araguaina.jpg" style="width: 593px; height: 1149px;" /></span><br /> <br /> <span style="font-size:14px;"><u><strong>Ranking das 10 piores m&eacute;dias do pa&iacute;s nas provas objetivas do Enem 2014</strong></u><br /> <br /> 1&ordm;) Esc. Dr. Augusto Monteiro - Rio Branco (AC) - m&eacute;dia 408,47;<br /> 2&ordm;) Esc. Est. Jo&atilde;o Ferreira da Fonseca - Borba (AM) - m&eacute;dia 418,92;<br /> 3&ordm;) Esc. Est. Prof. Ant&ocirc;nia Silva Santos - Mazag&atilde;o (AP) - m&eacute;dia 420,66;<br /> 4&ordm;) Esc. Est. Apolin&aacute;ria Jales -&nbsp; Messias Targino (RN) - m&eacute;dia 420,71;<br /> 5&ordm;) Esc. Est. Tessal&ocirc;nica - Macap&aacute; (AP) - m&eacute;dia 421,19;<br /> 6&ordm;) Col&eacute;gio Estadual Jos&eacute; de Anchieta - Ibipeba (BA) -&nbsp; m&eacute;dia 422,85;<br /> 7&ordm;) Col&eacute;gio Professora Leda Tajra (Anexo Jucara) - Buriti Bravo (MA) - m&eacute;dia 423,16;<br /> 8&ordm;) Escola Estadual Pedro Ludovico Teixeira - Mauril&acirc;nida do Tocantins - m&eacute;dia 423,29;<br /> 9&ordm;) Col&eacute;gio Estadual Euripedes Barsanulfo - Palmelo (GO) - m&eacute;dia 423,63;<br /> 10&ordm;) Escola Estadual Ministro Ney Braga - Buriti do Tocantins - m&eacute;dia 424,65.<br /> <br /> <u><strong>Ranking das 10 piores m&eacute;dias do Tocantins nas provas objetivas do Enem 2014</strong></u><br /> <br /> 1&ordm;) Escola Estadual Pedro Ludovico Teixeira - Mauril&acirc;nida do Tocantins - m&eacute;dia 423,29;<br /> 2&ordm;) Escola Estadual Ministro Ney Braga - Buriti do Tocantins - m&eacute;dia 424,65;<br /> 3&ordm;) Col&eacute;gio Est. Batista Professora Beatriz Rodrigues da Silva - Tocant&iacute;nia - m&eacute;dia 431,40;<br /> 4&ordm;) Escola Estadual S&atilde;o Tom&aacute;s de Aquino - Tupiratins - m&eacute;dia 434,00;<br /> 5&ordm;) Escola Estadual Alfredo Nasser - Bom Jesus do Tocantins - m&eacute;dia 434,25;<br /> 6&ordm;) Col&eacute;gio Estadual Nossa Senhora Aparecida - Sandol&acirc;ndia - m&eacute;dia 434,76;<br /> 7&ordm;) Escola Estadual Sagrado Cora&ccedil;&atilde;o de Jesus - S&atilde;o Felix do Tocantins - m&eacute;dia 435,04;<br /> 8&ordm;) Escola Estadual S&atilde;o Pedro - Aragua&iacute;na - m&eacute;dia 435,90;<br /> 9&ordm;) Col&eacute;gio Estadual Francisca Alves de Alencar - Itapor&atilde; do Tocantins - m&eacute;dia 436,01;<br /> 10&ordm;) Col&eacute;gio Estadual Dr. Valdecy Pinheiro - Rio dos Bois - m&eacute;dia 436,35.</span><br /> <br /> &nbsp;</div>
ASSUNTOS

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.