Distrito de Taquaralto

Empresa é interditada ao ser flagrada com 4.500 kg de pescado clandestino em Palmas

2.360 kg estavam impróprios para o consumo e foram destruídos.

Por Redação 600
Comentários (0)

10/08/2021 14h24 - Atualizado há 4 meses
Peixes apreendidos

A Agência de Defesa Agropecuária (Adapec) e a Polícia Militar Ambiental apreenderam cerca de 4,5 toneladas de pescado clandestino da espécie mapará em um estabelecimento localizado em Taquaralto, o maior bairro de Palmas, na madrugada desta terça-feira (10). A indústria foi interditada e multada em R$ 2,5 mil.

Uma parte da carga que já estava eviscerada, num total de 2.360 kg, foi destruída no aterro sanitário por ser considerada imprópria para o consumo. O restante (2.120 kg) estava em condições de aproveitamento e foi enviado a uma indústria com selo de inspeção para o processamento.

"Na empresa de destino, o pescado será limpo por fora através de uma máquina específica, dentro dos padrões previstos na legislação, bem como eviscerados e refrigerados de forma adequada para comercialização”, explicou o gerente de inspeção animal da Adapec, Antônio Caminha.

A ação partiu de uma denúncia anônima, onde foi relatado que o pescado estava sendo processado clandestinamente. No local, os técnicos constataram que 2.360 kg de peixes foram eviscerados de forma inadequada, em ambiente contaminado, sujo e sem as mínimas condições de higiene. Além disso, a empresa não tinha registro em nenhum órgão de fiscalização.  

A Adapec tem um canal direto com a população que deseja denunciar indústrias irregulares. O contato é pelo 0800 - 063 11 22, que também está presente no WhatsApp.

A barreira volante de Palmas também participou da ação. 

Fiscalização

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2022 AF Notícias. Todos os direitos reservados.