Indústria de processamento de carne deve gerar mais emprego e renda

Por Redação AF
Comentários (0)

19/11/2014 13h56 - Atualizado há 2 semanas
<span style="font-size:14px;">Com incentivos do Estado, boa localiza&ccedil;&atilde;o e clima favor&aacute;vel, o Tocantins tem atra&iacute;do investimentos para a produ&ccedil;&atilde;o de carne. Prova disso &eacute; a constru&ccedil;&atilde;o de uma ind&uacute;stria de processamento de carnes da cadeia de frigor&iacute;ficos mineira Plena Alimentos. Com investimento de cerca de R$ 25 milh&otilde;es, a empresa, que j&aacute; possui um frigor&iacute;fico em Para&iacute;so do Tocantins, vai construir no pr&oacute;ximo ano a ind&uacute;stria de processamento, onde ocorrer&aacute; a desossa da carne.<br /> <br /> Para o secret&aacute;rio de Estado da Agricultura e Pecu&aacute;ria (Seagro), Ruiter P&aacute;dua, a constru&ccedil;&atilde;o da ind&uacute;stria beneficia a popula&ccedil;&atilde;o com a gera&ccedil;&atilde;o de emprego e renda, tanto no setor da ind&uacute;stria como no meio rural. &ldquo;Hoje a empresa abate 600 animais por dia, com a constru&ccedil;&atilde;o da ind&uacute;stria de processamento, pode ser que seja necess&aacute;rio aumentar esse n&uacute;mero. Al&eacute;m disso, &eacute; no processamento que se gera mais m&atilde;o de obra&rdquo;, explicou.<br /> <br /> Ainda segundo Ruiter, os incentivos oferecidos pelo governo do Estado s&atilde;o os mesmos destinados &agrave; abertura de novas ind&uacute;strias, que incluem incentivos tribut&aacute;rios, como a possibilidade da redu&ccedil;&atilde;o de at&aacute; 75% de ICMS, bem como a&ccedil;&otilde;es como a abertura de &aacute;rea e asfalto at&eacute; a entrada do empreendimento.<br /> <br /> Al&eacute;m disso, o secret&aacute;rio lembra que a localiza&ccedil;&atilde;o do Estado e o clima s&atilde;o fatores importantes para a escolha do Tocantins como local para a abertura da empresa. <em>&ldquo;Por estarmos no centro geod&eacute;sico do Pa&iacute;s a log&iacute;stica de escoamento &eacute; favorecida, tanto para o fornecimento do mercado de exporta&ccedil;&atilde;o, como interno, via porto mar&iacute;timo. O nosso clima constante tamb&eacute;m &eacute; um fator importante. Temos seis meses de chuva e seis meses sem chuva. Todos j&aacute; conhecem e se preparam para que se fa&ccedil;a esse tipo de trabalho&rdquo;</em>, concluiu.</span>
ASSUNTOS

Comentários (0)

Mais Notícias

Fato Inusitado

Prefeito diz que se autonomeou secretário de Saúde 'prezando pela economia'

Wesley Camilo disse ainda que não receberá salário pela nova função.

Problemas de saúde

Ex-governador Siqueira Campos deixa UTI e pode retornar ao Tocantins em 10 dias

Ele estava internado em São Paulo para o tratamento de uma pneumonia desde o dia 4 deste mês.

Fim de ano

Mais de 60% das empresas de Palmas devem abrir vagas de emprego temporário

A maior parte das vagas será para empresas do segmento de vestuário (28,3%).

LDO

Governo do Tocantins espera arrecadar R$ 10,2 bilhões nos próximos três anos

Os demonstrativos das metas fiscais para 2019-2021 foram apresentados na Assembleia Legislativa.

Brasil

Carteiro amigo de cachorros faz sucesso com selfies na internet e conta segredo

Ele começou postando fotos e vídeos curtos e atualmente tem mais de 45 mil seguidores no Instagram.

Para 2019

Deputados e senadores do Tocantins têm R$ 15,4 milhões de emendas individuais

As emendas devem priorizar saúde, educação e segurança pública.

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.