MPE cobra redução de gastos: diminuir em 20% comissionados e não conceder aumentos

Por Redação AF
Comentários (0)

29/01/2015 19h34 - Atualizado há 1 mês
<span style="font-size:14px;"><u>Arnaldo FIlho</u><br /> <em>Portal AF Not&iacute;cias</em><br /> <br /> O Minist&eacute;rio P&uacute;blico Estadual (MPE) expediu recomenda&ccedil;&atilde;o ao governador Marcelo Miranda (PMDB), nesta quinta-feira, 29, para que ele adote medidas urgentes para adequar os gastos com pessoal ao limite previsto na Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). De acordo com o documento, o Estado ultrapassou o limite m&aacute;ximo para despesas com pessoal, que &eacute; de 49% da receita corrente l&iacute;quida, ficando numa das situa&ccedil;&otilde;es mais cr&iacute;ticas do pa&iacute;s.<br /> <br /> A recomenda&ccedil;&atilde;o, assinada pelo Procurador-Geral de Justi&ccedil;a, Clenan Renaut de Melo, diz que, para tanto, o Governo do Estado deve adotar medidas previstas nos artigos 22 e 23 da LRF, ou se for o caso, as previstas no artigo 169, par&aacute;grafos 3&ordm; e 4&ordm; da Constitui&ccedil;&atilde;o Federal.<br /> <br /> <strong><u>Medidas</u></strong><br /> <br /> A LRF prev&ecirc; que se a despesa total com pessoal exceder a 95% do limite (como no caso do Tocantins), fica vedado (proibido) ao Poder Executivo a concess&atilde;o de vantagem, aumento, reajuste ou adequa&ccedil;&atilde;o de remunera&ccedil;&atilde;o a qualquer t&iacute;tulo, ressalvada a revis&atilde;o anual da infla&ccedil;&atilde;o; a cria&ccedil;&atilde;o de cargo, emprego ou fun&ccedil;&atilde;o e a altera&ccedil;&atilde;o de estrutura de carreira que implique aumento de despesa.<br /> <br /> A Lei de Responsabilidade Fiscal pro&iacute;be, inclusive, o provimento de cargo p&uacute;blico, admiss&atilde;o ou contrata&ccedil;&atilde;o de pessoal a qualquer t&iacute;tulo, ressalvada apenas a reposi&ccedil;&atilde;o decorrente de aposentadoria ou falecimento de servidores das &aacute;reas de educa&ccedil;&atilde;o, sa&uacute;de e seguran&ccedil;a;<br /> <br /> Conforme a Constitui&ccedil;&atilde;o Federal, para cumprir o limite de gastos com pessoal, o Estado dever&aacute; adotar medidas como a redu&ccedil;&atilde;o em pelo menos 20% das despesas com cargos em comiss&atilde;o e fun&ccedil;&otilde;es de confian&ccedil;a, al&eacute;m da exonera&ccedil;&atilde;o dos servidores n&atilde;o est&aacute;veis.<br /> <br /> <strong><u>Improbidade administrativa</u></strong><br /> <br /> A recomenda&ccedil;&atilde;o alerta ao governador que a n&atilde;o ado&ccedil;&atilde;o das medidas para conten&ccedil;&atilde;o de gastos com despesas de pessoal pode configurar ato de improbidade administrativa por viola&ccedil;&atilde;o do princ&iacute;pio da legalidade.<br /> <br /> O Procurador-Geral solicita, tamb&eacute;m, que o Governo encaminhe ao final do primeiro e do segundo quadrimestre de 2015, informa&ccedil;&otilde;es sobre o resultado das provid&ecirc;ncias adotadas.<br /> <br /> <u><strong>Limite estourado</strong></u><br /> <br /> De acordo com Relat&oacute;rio de Gest&atilde;o Fiscal da Secretaria de Estado da Fazenda, no per&iacute;odo de setembro de 2013 a agosto de 2014, o Governo do Estado ultrapassou o limite prudencial de gastos com pessoal em 1,48%. Os relat&oacute;rios tamb&eacute;m comprovam que nos per&iacute;odos de janeiro a dezembro de 2013 e de maio de 2013 a abril de 2014, tamb&eacute;m j&aacute; estava sendo descumprido o limite legal.</span><br />
ASSUNTOS

Comentários (0)

Mais Notícias

De Figueirópolis

Professor do Tocantins vence prêmio nacional com projeto sobre esportes

O objetivo do prêmio é reconhecer o trabalho dos professores que contribuem para a qualidade da educação básica.

Investigação

PF prende médico no Tocantins em operação que investiga corrupção na Saúde

Mandados também estão sendo cumpridos em São Luís (MA), Imperatriz (MA), Parauapebas (PA), Brasília (DF) e Goiânia (GO).

Estado

Bunge Açúcar e Bioenergia abre vagas para jovens engenheiros no Tocantins

As inscrições vão até o dia 9 de novembro.

Nesta quinta, 18

Vagas de emprego para manicure, mecânico, porteiro, zelador e vendedor

As vagas são para todos os níveis de escolaridade e estão distribuídas em nove cidades do Estado.

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.