Tocantins

MPTO investiga se PMs agrediram adolescente com socos e chutes durante abordagem

A PM disse que o adolescente acidentou-se ao cair da motocicleta.

Por Conteúdo AF Notícias 1.319
Comentários (0)

07/04/2021 14h38 - Atualizado há 4 dias
Viatura da Polícia Militar

O Ministério Público do Tocantins (MPTO) investiga se policiais militares agrediram um adolescente de 14 anos com socos e chutes no estômago, além de tapas no rosto, após uma perseguição veicular.

O procedimento administrativo foi instaurado pela Promotoria de Justiça de Paranã no dia 29 de março em razão de uma investigação que já estava sendo realizada após denúncia feita pela mãe do adolescente.

Além de comunicar o caso ao MPO, a mulher também encaminhou a denúncia à delegacia de Polícia Civil de Paranã por meio de Boletim de Ocorrência registrado em 21 de fevereiro de 2020.

Ao instaurar o procedimento, o Ministério Público diz que a Polícia Militar refutou, categoricamente, qualquer tipo de agressão. Ressaltou também que o adolescente empreendeu fuga após a abordagem policial e, em seguida, acidentou-se ao cair da motocicleta em que estava.

Caso Heitor Eduardo 

O MPTO também foi acionado para investigar o caso em que o jovem Heitor Eduardo Morais Berlanda, 21 anos, foi morto durante uma ação da Polícia Militar em Campos Lindos, no dia 12 de março deste ano.

A PM diz que Heitor teria participado de uma tentativa de homicídio na companhia de outras duas pessoas, mas a família nega o fato e busca esclarecer a conduta dos policiais envolvidos na ocorrência.

LEIA MAIS

Família de jovem morto em ação da PM cita possível excesso e pede apuração ao MPTO

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2021 AF Notícias. Todos os direitos reservados.