Polícia Federal prende 33 pessoas acusadas de crime contra o sistema financeiro

Por Redação AF
Comentários (0)

27/11/2012 08h24 - Atualizado há 1 mês
<div style="text-align: justify;"> <span style="font-size:14px;">A Pol&iacute;cia Federal (PF) iniciou hoje (26) a Opera&ccedil;&atilde;o Durkheim, na tentativa de acabar com duas organiza&ccedil;&otilde;es criminosas que agiam na venda de informa&ccedil;&otilde;es sigilosas e em crimes contra o sistema financeiro nacional. A PF cumpriu 87 mandados de busca e apreens&atilde;o e prendeu 33 pessoas, nos estados de S&atilde;o Paulo, Goi&aacute;s, Pernambuco, do Par&aacute;, Rio de Janeiro e Distrito Federal.<br /> <br /> O inqu&eacute;rito policial foi instalado em setembro de 2009, quando o &oacute;rg&atilde;o passou a investigar o suic&iacute;dio de um policial federal na cidade de Campinas. Durante os trabalhos, suspeitou-se de que havia um esquema de utiliza&ccedil;&atilde;o de informa&ccedil;&otilde;es sigilosas, obtidas em opera&ccedil;&otilde;es policiais, com o objetivo de extorquir pol&iacute;ticos, suspeitos de participar em atos de fraudes em licita&ccedil;&otilde;es.<br /> <br /> Em nota, a PF salientou que &ldquo;no decorrer do inqu&eacute;rito, foram identificadas duas organiza&ccedil;&otilde;es criminosas atuando paralelamente e de modo independente. As duas tinham como elo uma pessoa investigada, que atuava com os dois grupos criminosos&rdquo;.<br /> <br /> Os investigadores da PF descobriram a exist&ecirc;ncia de uma grande rede de espionagem ilegal. Os criminosos que se apresentavam como detetives particulares vendiam informa&ccedil;&otilde;es sigilosas que eram repassadas, ilegalmente, por pessoas com acesso a banco de dados como, por exemplo, funcion&aacute;rios de empresas de telefonia, bancos e servidores p&uacute;blicos. Na lista de v&iacute;timas, est&atilde;o pol&iacute;ticos, desembargadores, uma emissora de televis&atilde;o e um banco.<br /> <br /> A outra organiza&ccedil;&atilde;o tinha como atividade principal a remessa de dinheiro ao exterior por meio de atividades de c&acirc;mbio sem autoriza&ccedil;&atilde;o do Banco Central.<br /> <br /> Cerca de 400 policiais federais atuaram na opera&ccedil;&atilde;o que, al&eacute;m das pris&otilde;es, tamb&eacute;m cumpriu 34 mandados de condu&ccedil;&atilde;o coercitiva &ndash; quando a pessoa &eacute; levada para prestar depoimento e depois &eacute; liberada. Os mandados foram expedidos pela 2&ordf; Vara Criminal Federal de S&atilde;o Paulo e 67 acusados ser&atilde;o&nbsp; indiciados.<br /> <br /> Os acusados v&atilde;o responder pelos crimes de divulga&ccedil;&atilde;o de segredo, corrup&ccedil;&atilde;o ativa, corrup&ccedil;&atilde;o passiva, viola&ccedil;&atilde;o de sigilo funcional, por intercepta&ccedil;&atilde;o telef&ocirc;nica clandestina, quebra de sigilo banc&aacute;rio, forma&ccedil;&atilde;o de quadrilha, realiza&ccedil;&atilde;o de atividade de c&acirc;mbio sem autoriza&ccedil;&atilde;o do Banco Central do Brasil, evas&atilde;o de divisas e lavagem de dinheiro. As penas variam de um a 12 anos de pris&atilde;o.</span></div>
ASSUNTOS

Comentários (0)

Mais Notícias

Inusitado

Prefeito se autonomeia como secretário de Saúde em município do Tocantins

A cidade fica no nordeste do Tocantins e tem aproximadamente 2,8 mil habitantes.

15 de outubro

Dia do Professor: 4 situações desanimadoras na rotina da profissão no Brasil

Violência e a desvalorização estão entre os itens que desestimulam estudantes interessados em formar na profissão.

Palmas

Ex-assessor de Gilmar Mendes faz palestra em Encontro da Advocacia Municipalista

O Encontro é voltado para todos os públicos e entrada será gratuita.

E sumiu...

Tocantinense que se candidatou a deputada em Brasília recebeu só dois votos

Procurada pela coluna, Laís não foi localizada para comentar sobre o seu desempenho nas urnas. 

Curiosidade

A pequena cidade onde Bolsonaro e Haddad tiveram a mesma votação no 1º turno

Com o empate nas urnas, a pequena cidade passou a viver dias de tensão.

Sortudo

Apostador de Marabá (PA) ganha sozinho prêmio de R$ 27 milhões da Mega-Sena

O próximo sorteio da Mega-Sena está marcado para o dia 17 de outubro.

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.