Substituição

Polícia Militar troca membros do concurso público que ofertará 1.000 vagas para soldado

Certame já tem banca contratada: é o Cebraspe.

Por Agnaldo Araujo 1.596
Comentários (0)

03/09/2020 08h29 - Atualizado há 1 mês
PMs do Tocantins

Dois membros da comissão do anunciado concurso público para soldado da Polícia Militar do Tocantins (PMTO) foram trocados nesta quarta-feira (02). O certame tem previsão de ofertar 1.000 vagas.

As substituições foram efetivadas por meio da Portaria nº 048/2020 do Gabinete do Comando Geral da PM e publicada no Diário Oficial do Estado dessa quarta.

Saíram da comissão a tenente-coronel Alessandra Lúcia Batista de Lima e o capitão Kelson Silva de Castro. Entraram a major Hilma da Silva Costa e o capitão Diego Alexandre Martins de Melo.

Conforme a portaria, os novos membros exercerão as funções na comissão do concurso cumulativamente com as desempenhadas na corporação. As trocas não foram justificadas pela PM. 

Banca contratada

A banca do novo concurso da PMTO é o Cebraspe (Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos). O anúncio foi feito pelo governador Mauro Carlesse no dia 25 de agosto.

O contrato, sem licitação, já foi assinado e está orçado em R$ 2.764.800,00. O próximo passo é o lançamento do edital.

Veja mais...

+ Banca Cebraspe é escolhida para organizar novo concurso da Polícia Militar do Tocantins

+ Contrato sem licitação com banca do novo concurso da PMTO supera os R$ 2,7 milhões

+ Contrato com banca do concurso da PMTO é assinado e publicado no Diário Oficial do Estado

+ Com quase 1.500 vagas, concurso da Polícia Civil do Pará será organizado pelo Instituto AOCP

+ Definida banca do próximo concurso da Polícia Militar do Pará, com mais de 2.400 vagas

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2020 AF Notícias. Todos os direitos reservados.