Representantes do agronegócio se reúnem com Miranda e pedem apoio para reativar jazida de calcário

Por Redação AF
Comentários (0)

09/03/2015 21h02 - Atualizado há 2 meses
<span style="font-size:14px;">Um grupo de empres&aacute;rios e produtores da &aacute;rea do agroneg&oacute;cio esteve com o governador Marcelo Miranda, na manh&atilde; desta segunda-feira, 9, pedindo apoio para que seja reativada uma jazida de calc&aacute;rio em Guara&iacute;, que est&aacute; parada h&aacute; mais de dez anos. Hoje, os produtores locais buscam o produto em munic&iacute;pios como Bandeirante e Natividade e essa log&iacute;stica, de acordo com eles, encarece em at&eacute; 70% o valor do frete.<br /> <br /> Para o empres&aacute;rio Gerson Paiva, a regi&atilde;o de Guara&iacute; tem crescido bastante, impulsionada pelo agroneg&oacute;cio. &ldquo;Temos essa jazida j&aacute; estruturada. Portanto, sua reabertura viabilizar&aacute; o crescimento do setor&rdquo;, justifica. Al&eacute;m disso, segundo o produtor de soja, Jos&eacute; Carlos Ruiz, a reativa&ccedil;&atilde;o da f&aacute;brica permitir&aacute; ao Estado a arrecada&ccedil;&atilde;o de impostos que podem favorecer novos investimentos.<br /> <br /> Ao governador, o presidente da Cooperativa Agroindustrial do Tocantins (Coapa), Ricardo Khouri, justificou que o calc&aacute;rio &eacute; um insumo essencial para a incorpora&ccedil;&atilde;o de novas &aacute;reas ao processo produtivo. &ldquo;Reativar a f&aacute;brica &eacute; consolidar tanto as que j&aacute; est&atilde;o abertas como novas frentes produtivas&rdquo;, argumentou.<br /> <br /> O ex-vice-prefeito de Palmas, Derval de Paiva, em nome do grupo, informou que quanto mais r&aacute;pido os produtores dispuserem do calc&aacute;rio produzido na pr&oacute;pria regi&atilde;o, ter&atilde;o mais chances de se preparar para a pr&oacute;xima safra. <em>&ldquo;Hoje, temos uma demanda consider&aacute;vel&rdquo;</em>, informou.<br /> <br /> Ap&oacute;s ouvir as argumenta&ccedil;&otilde;es dos empres&aacute;rios e produtores, Marcelo Miranda sinalizou o apoio. Para tanto, solicitou aos secret&aacute;rios da Agricultura e Pecu&aacute;ria, Clemente Barros, e da Infraestrutura e Desenvolvimento Econ&ocirc;mico, S&eacute;rgio Le&atilde;o, que avaliem a demanda apresentada, bem como outras nessas &aacute;reas tamb&eacute;m apresentadas pelo grupo. <em>&ldquo;A situa&ccedil;&atilde;o do Estado &eacute; delicada, mas diante dessas demandas, vamos nos esfor&ccedil;ar em atender na medida do poss&iacute;vel&rdquo;</em>, avisou.<br /> <br /> O governador se comprometeu ainda em visitar a regi&atilde;o e verificar in loco as necessidades. &ldquo;S&atilde;o demandas que vem ao encontro do queremos em termos de desenvolvimento&rdquo;, analisou. Ele pediu ao secret&aacute;rio S&eacute;rgio Le&atilde;o que trabalhe na regulariza&ccedil;&atilde;o da Companhia de Minera&ccedil;&atilde;o do Tocantins (Mineratins), uma empresa de economia mista, que ainda tem no conselho membros que atuaram na gest&atilde;o passada do Governo, mas que est&atilde;o sendo destitu&iacute;dos. &ldquo;<em>Assim que tivermos com o novo conselho definido, vamos trabalhar na demanda apresentada pelo grupo. &Eacute; vantajoso que a regi&atilde;o tenha o abastecimento de calc&aacute;rio localmente, para que possamos acelerar ainda mais a produ&ccedil;&atilde;o do agroneg&oacute;cio&rdquo;</em>, disse o secret&aacute;rio.<br /> <br /> Participaram da reuni&atilde;o, tamb&eacute;m, o desembargador e corregedor-geral de Justi&ccedil;a, Eur&iacute;pedes Lamounier, o prefeito de Guara&iacute;, Francisco J&uacute;lio, e o propriet&aacute;rio de um posto de combust&iacute;vel em Fortaleza do Taboc&atilde;o, &Eacute;dson Dutra.<br /> <br /> <u><strong>Sobre o calc&aacute;rio</strong></u><br /> <br /> O calc&aacute;rio tem aplica&ccedil;&otilde;es diversas na economia, sendo de grande import&acirc;ncia para a corre&ccedil;&atilde;o de solo na agricultura e na produ&ccedil;&atilde;o de cimento, argamassa e materiais para constru&ccedil;&atilde;o civil, portanto de grande valia para o desenvolvimento do Tocantins.</span>
ASSUNTOS

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.