Araguaína

Servidoras afirmam que ex-diretora escolar "mentiu" ao falar que não fazia parte da Associação de Pais

Por Agnaldo Araujo
Comentários (0)

02/03/2016 16h55 - Atualizado há 1 mês
Da Redação // AF Notícias Após reportagem divulgada pelo AF Notícias, em que a ex-diretora da Escola Municipal Joaquim de Brito Paranaguá, em Araguaína (TO), comentou sobre as acusações de supostos desvios de recursos públicos, a ex-presidente e a ex-tesoureira da  Associação de Apoio de Pais e Mestres rebateram a versão dada pela ex-gestora e afirmaram que Lélia dos Santos Nascimento "mentiu" ao dizer que não fazia parte da Associação e que não assinava os cheques da escola. "Os procedimentos financeiros são feitos mediante um gerenciador online, lembrando que a mesma [Lélia Nascimento] era a única servidora com acesso à senha do gerenciador", afirmou Érica Gomes do Prado e Acássia Maria de Almeida Silveira, ex-presidente e ex-tesoureira, respectivamente. As servidoras também apresentaram cópia da Ata da Assembleia Geral de Criação do Conselho, do dia 11 de fevereiro de 2014, em que a ex-diretora foi nomeada como vice-presidente da Associação. Além disso, Érica e Acássia afirmaram que não tinham nenhum controle sobre as transações comerciais nas contas da escola."Esclarecemos também que todas as transações comerciais eram reservadas a ela e os fornecedores", disse a nota. A ex-presidente e ex-tesoureira da Associação também questionaram a informação de que Lélia dos Santos teria deixado um saldo de R$ 40 mil na conta da escola . “Como a ex-diretora tinha ciência do saldo de uma conta que, segundo ela, não tinha acesso?”, questionaram. Elas esclareceram ainda que o valor citado refere-se à soma dos saldos das cinco contas correntes da escola, no entanto, em 31 de dezembro de 2015, havia apenas R$ 2.890,83 na conta da gestão - que custeia maior parte dos gastos. Confira a nota na íntegra Nota de esclarecimento Esclarecimento da Associação de Apoio de Pais e Mestres da Escola Joaquim de Brito Paranaguá: - Mente a ex-diretora quando diz que não fazia parte da Associação de Apoio da Escola Joaquim de Brito Paranaguá. - A Associação de fato não assina cheque, como cita a ex-diretora em nota, pois os procedimentos financeiros são feitos mediante um gerenciador online, lembrando que a mesma era a única servidora com acesso à senha do gerenciador. - Esclarecemos também que todas as transações comerciais eram reservadas a ela e os fornecedores. - A ex-diretora Lélia dos Santos Nascimento diz também que quando saiu deixou um saldo de R$ 40.000 ( quarenta mil reais). Então questiono: como a ex-diretora tinha ciência do saldo de uma conta que, segundo ela, não tinha acesso?

Atenciosamente,

Érika Gomes do Prado - Presidente

Acássia Maria de Almeida Silveira - Tesoureira

Comentários (0)

Mais Notícias

Inusitado

Prefeito se autonomeia como secretário de Saúde em município do Tocantins

A cidade fica no nordeste do Tocantins e tem aproximadamente 2,8 mil habitantes.

15 de outubro

Dia do Professor: 4 situações desanimadoras na rotina da profissão no Brasil

Violência e a desvalorização estão entre os itens que desestimulam estudantes interessados em formar na profissão.

Palmas

Ex-assessor de Gilmar Mendes faz palestra em Encontro da Advocacia Municipalista

O Encontro é voltado para todos os públicos e entrada será gratuita.

E sumiu...

Tocantinense que se candidatou a deputada em Brasília recebeu só dois votos

Procurada pela coluna, Laís não foi localizada para comentar sobre o seu desempenho nas urnas. 

Curiosidade

A pequena cidade onde Bolsonaro e Haddad tiveram a mesma votação no 1º turno

Com o empate nas urnas, a pequena cidade passou a viver dias de tensão.

Sortudo

Apostador de Marabá (PA) ganha sozinho prêmio de R$ 27 milhões da Mega-Sena

O próximo sorteio da Mega-Sena está marcado para o dia 17 de outubro.

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Nas Redes
Nosso Whatsapp
063 9 9242-8694
Nosso Email
redacao@arnaldofilho.com.br
Copyright © 2011 - 2018 AF Notícias. Todos os direitos reservados.