No Pará

Contadora passava pela mesma rua todos os dias para ir à academia, dizem vizinhos

Câmeras de segurança das casas que ficam nas proximidades poderão ajudar a polícia a elucidar o caso.

Por Redação 6.581
Comentários (0)

24/05/2019 16h53 - Atualizado há 3 semanas
Contadora Fernanda Araújo

A Polícia Civil do Pará já instaurou um inquérito para investigar a autoria e as circunstâncias da morte da contadora tocantinense Fernanda Araújo Carvalho, 26 anos.

O corpo da jovem foi encontrado já em estado de decomposição em um matagal em Paragominas, sudeste do Pará, distante cerca de 100 metros de sua casa. Segundo vizinhos, a jovem passava pela rua todos os dias indo em direção à academia.

De acordo com a polícia, Fernanda estava desaparecida há três dias e seu corpo foi encontrado de bruços, com tênis, calcinha e sutiã e com a blusa levantada até os ombros, cobrindo o rosto.

Câmeras de segurança das casas que ficam nos quarteirões próximos de onde o crime ocorreu poderão ajudar a polícia a elucidar o caso.

Ela tinha se mudado há dois meses para Paragominas, onde morava com duas colegas e trabalhava no escritório de uma empresa. 

A família de Fernanda mora na cidade de Dueré (TO), região sul do Tocantins, onde o corpo será velado e enterrado. A prefeitura decretou luto oficial de três dias.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2019 AF Notícias. Todos os direitos reservados.