Colinas

Motoqueiro bêbado que atropelou e matou mulher é denunciado por homicídio doloso

Se condenado, Elinaldo Gomes pode pegar de 6 a 20 anos de prisão.

Por Redação 1.476
Comentários (0)

01/02/2019 16h28 - Atualizado há 3 meses
Mulher que morreu atropelada

O Ministério Público Estadual (MPE) ofereceu denúncia criminal contra o acusado de matar Edinária Aguiar Araújo atropelada em Colinas do Tocantins, na noite do dia 23 de janeiro deste ano.

A mulher retornava da igreja caminhando acompanhada pelos filhos e por uma colega quando foi atropelada por Elinaldo Gomes dos Santos, que transitava embriagado em uma motocicleta.

A denúncia relata que o acusado trafegava perigosamente pelas ruas até atropelar a mulher.

Edinária chegou a ser socorrida pelos bombeiros, mas não resistiu e faleceu devido a fratura no crânio e ossos da face, hemorragia por trauma e parada cardiorrespiratória.

Pelo crime, o MPE requer que Elinaldo seja condenado por homicídio, crime que tem pena prevista de seis a vinte anos de reclusão. 

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2019 AF Notícias. Todos os direitos reservados.