Norte do Estado

Mulher esconde droga na vagina para entregar ao marido preso em cadeia no Tocantins

O caso ocorreu na Cadeia Pública de Tocantinópolis, norte do Estado. 

Por Redação 3.117
Comentários (0)

04/03/2019 09h43 - Atualizado há 2 meses
Droga estava escondida nas partes íntimas da mulher

Mais uma mulher foi presa no Tocantins tentando entrar em unidades prisionais com maconha escondida nas partes íntimas. O caso ocorreu na Cadeia Pública de Tocantinópolis, norte do Estado. 

Conforme a Secretaria de Cidadania e Justiça (Seciju), a mulher estava acompanhada da filha menor de idade e iria visitar o marido. A equipe plantonista notou um comportamento suspeito da mulher, fez a revista pessoal e a colocou numa sala para aguardar o comparecimento do delegado da polícia civil.

Ainda segundo a Seciju, enquanto era aguardada a chegada do delegado, a mulher retirou o objeto ilícito de dentro do seu corpo e descartou no chão da sala. Uma servidora localizou o objeto e a suspeita confessou que era dona da droga e que estava levando para o marido que está preso na unidade.

Após isso, a equipe de plantão e o delegado assistiram às imagens gravadas pelo circuito interno de segurança da unidade e foi confirmado que a droga pertencia à mulher. Ela foi presa em flagrante por tráfico de drogas. A filha dela foi encaminhada para o Conselho Tutelar do Município e posteriormente entregue aos cuidados de uma tia.

O diretor da Cadeia Pública de Tocantinópolis, Vinícius Lima, destacou que todos os agentes prisionais estão preparados para identificar comportamentos suspeitos e que não realiza revista vexatória. “Nossas revistas pessoais não submetem o visitante a condições constrangedoras, como a nudez, nosso procedimento de revista segue o padrão estabelecido pelo Conselho Nacional de Política Criminal e Penitenciária e declaramos que estamos atentos a esse tipo de tentativa de entrada de objetos ilícitos nas nossas unidades”, ressaltou.

Comentários (0)

Mais Notícias

'Tudo Errado'

Autor de novelas da Globo vai produzir filme em cidades histórias do Tocantins

As gravações do filme estão previstas para junho de 2020. A protagonista será a atriz global Bella Piero.

Supostas ofensas

Juiz decreta prisão do pastor Nelcivan por tempo indeterminado no Tocantins

O pedido de prisão do pastor foi feito pela Polícia Militar do Tocantins no dia 25 de abril deste ano.

Novo decreto

Porte de arma é liberado para todos os advogados; OAB-TO avalia como vitória

A profissão foi inserida entre as atividades de risco que autorizam o porte.

Operação Catarse

Deic descobre mais quatro servidores fantasmas em Araguaína, um é empresário

Três homens e uma mulher estariam recebendo salários oriundos de dois gabinetes.

Jurista

Cadeira do Tocantins na Academia Brasileira de Direito ficará com Márlon Reis

Reis é tocantinense natural de Pedro Afonso, tem 49 anos e foi candidato a governador.

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2019 AF Notícias. Todos os direitos reservados.