Saúde

Araguaína disponibiliza testes rápidos de HIV; 72 casos foram diagnosticados este ano

Nove pessoas morreram por causa do agravo da doença neste ano.

Por Redação 550
Comentários (0)

02/12/2021 11h27 - Atualizado há 1 mês
Em Araguaína, foram diagnosticados 72 casos de AIDS

A Prefeitura de Araguaína realizou, nesta quarta-feira (1º/12), uma ação de saúde voltada ao combate ao vírus HIV no município. Durante toda a tarde, os profissionais da Vigilância Epidemiológica e da Atenção Básica de Araguaína realizaram testes gratuitos de HIV em um posto de atendimento montado no estacionamento em frente ao Espaço Municipal de Comércio e Cultura Feirinha.

A ação realizada no Dia Mundial de Luta contra a Aids também contou com a distribuição de preservativos e teve como foco a população em situação de rua. Durante todo o mês de dezembro, a testagem rápida também estará disponível para toda a população nas 19 UBS (unidades básicas de saúde) do município, onde será exigido apenas a apresentação dos documentos pessoais.

“Essas testagens fazem parte das ações da Campanha Dezembro Vermelho, que busca despertar a necessidade de prevenção, promover o entendimento sobre o tratamento e incentivar a análise sobre a Aids pela sociedade. É preciso que a comunidade entenda que a prevenção é importante e o teste também é algo simples, mas importantíssimo para um controle mais eficaz da doença”, explicou a enfermeira gerente do Programa de Infecções Sexualmente Transmissíveis/Aids, Juliana Lima.

Casos em Araguaína

Em Araguaína foram diagnosticados 72 casos de Aids este ano e nove morreram em decorrência do agravo da doença. O vírus pode ser transmitido pelo contato com sangue ou por meio de relações sexuais sem preservativo.

Apesar de não haver cura para a doença, de acordo com a Vigilância Epidemiológica, os testes possibilitam o diagnóstico precoce e o tratamento adequado em tempo hábil, diminuindo a cadeia de transmissão da doença. Caso o diagnóstico seja positivo, o paciente é encaminhado para o HDT (Hospital de Doenças Tropicais) de Araguaína para a realização de exames complementares e início do tratamento.

O diagnóstico precoce possibilita tratamento adequado e em tempo hábil

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2022 AF Notícias. Todos os direitos reservados.