‘Operação Caesus’

Fiscal da prefeitura é preso por suspeita de liberar produtos vencidos em Araguaína

O fiscal e outras duas pessoas são suspeitas de envolvimento em um esquema de comércio ilegal de produtos derivados do leite.

Por Raimunda Costa 2.981
Comentários (0)

12/12/2018 13h36 - Atualizado há 9 meses
Carro da Polícia Civil durante a operação

Um fiscal de inspeção da Prefeitura de Araguaína foi preso nesta quarta-feira (12) durante a 'Operação Caesus', deflagrada pela Policia Civil em conjunto com a Adapec e Vigilância Sanitária. 

Além do fiscal, mais duas pessoas foram presas por ordem da justiça. O trio é suspeito de envolvimento em um esquema de comércio ilegal de produtos derivados do leite. Eles ainda não tiveram os nomes divulgados. 

A polícia apurou que a função do fiscal municipal era liberar a venda dos materiais impróprios para o consumo.

Segundo as investigações da polícia, os produtos vencidos eram adquiridos no Estado do Pará e, após ter os rótulos adulterados, eram comercializados em supermercados de Araguaína.

Agentes cumpriram mandados em comércios e supermercados e também na gráfica onde foram impressos os rótulos com novas datas de validade dos produtos vencidos.

A Polícia Civil ainda realizou buscas em grandes redes de supermercados de Araguaína, mas não sabe qual a participação dos estabelecimentos no esquema. Foram expedidos pela justiça 10 mandados de busca e apreensão e quatro de prisão preventiva.

O AF Notícias entrou em contato com a Prefeitura de Araguaína e aguarda retorno.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2019 AF Notícias. Todos os direitos reservados.