Sobral – 300×100
Seet

Prefeito oferece R$ 20 mil por informações que levem ao paradeiro de Laura

Redação AF - |
Foto: Divulgação
Laura está desaparecida desde o dia 9 de janeiro.

A comunidade de Palmas (TO) está unida para encontrar a garota Laura Vitória Oliveira da Rocha, de 9 anos, desaparecida desde o dia 9 de janeiro de 2016. O prefeito Carlos Amastha (PSB) juntamente com os secretários da Capital se reuniram e estão oferecendo uma recompensa de R$ 20 mil a quem tiver informações que levem ao paradeiro da criança.

A recompensa foi anunciada nas redes sociais pelo prefeito na tarde do último sábado (16). Nas postagens, Amastha afirma que as informações devem ser enviadas ao e-mail do procurador-geral do Município, Públio Borges (publioborges@gmail.com). O prefeito garantiu sigilo absoluto aos possíveis informantes e ressaltou que não pretende atrapalhar as investigações, “muito menos aparecer oportunista”.

Laura desapareceu no Setor Lago Sul, onde mora com a avó, quando saiu para comprar milho verde para o almoço a pedido da avó, Jussandra Pereira de Oliveira, e não mais retornou. Ela foi vista saindo do estabelecimento por volta das 10h30.

Delegado vai ouvir ex-namorado da mãe

O ex-namorado da mãe de Laura deve ser ouvido pela polícia. De acordo com o delegado João Sérgio Vasconcelos Kenupp da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), que é responsável pelo caso, o homem está viajando e deve retornar a Palmas nesta segunda-feira (18).

“Eu conversei com o pai dele [ex-namorado da mãe] pelo telefone e ele disse que o filho está viajando e que deve chegar na segunda. Se ele não voltar eu vou pedir a prisão temporária dele”, afirmou Kenupp.

A avó de Laura, Gilsandra Pereira, informou que o ex-namorado da filha não mora no setor Lago Sul e que a família não tinha contato com ele. Ela disse ainda, que um mutirão continua as buscas pela menina e que neste domingo eles percorreram a região perto do aeroporto de Palmas.

Comentários pelo Facebook: