Seet
Sobral – 300×100

Líderes do PDT de Araguaína repudiam “ingerência” de Luana Ribeiro e anunciam desfiliação em massa

Redação AF - |
Foto: Divulgação
Luana Ribeiro deixa líderes do PDT de Araguaína revoltados.

Da Redação //AF Notícias

O clima esquentou dentro do PDT com a adesão da deputada estadual Luana Ribeiro. Recentemente filiada, Luana não perdeu tempo e já reivindicou o comando do partido em Araguaína (TO), onde deu sinais de que pretende apoiar Ronaldo Dimas (PR) na sua reeleição. A medida deixou os líderes locais extremamente revoltados.

Nesta terça (15/03),  o grupo se manifestou através de uma “nota dos insatisfeitos do PDT de Araguaína”. Nela, os líderes afirmam que têm um “projeto consistente visando candidaturas próprias a prefeito e vereador”, com base na “renovação”, já que existe um “inegável desgaste de políticos junto à opinião pública”.

O grupo também criticou duramente a postura da deputada Luana Ribeiro. “Decidimos repudiar a atitude da deputada pela forma grosseira com que tratou o grupo  de Araguaína, ao dizer que o partido é dela e que já havia decidido o que fazer”, diz a nota.

Os líderes finalizam a nota anunciando a “desfiliação em massa do grupo dos legítimos descontentes  para se juntar a partidos  que respeitam opiniões contrárias e trabalham na construção de um projeto independente, sem arrogância, sem freios, sem mordaça, sem imposição e nem submissão”.

Foto: Divulgação
Grupo do PDT de Araguaína anuncia desfiliação em massa com chegada de Luana Ribeiro.

Confira a nota completa

“NOTA DO GRUPO DE INSATISFEITOS DO PDT DE ARAGUAÍNA

Considerando que o Grupo de filiados do Partido Democrático Trabalhista- PDT, de Araguaína,  tem um projeto consistente  visando candidaturas próprias a prefeito e vereador,

Considerando  que a sociedade anseia uma urgente renovação na  política no Município e que há um inegável  desgaste de políticos junto à opinião pública,

Considerando a falta de diálogo e a ingerência  da deputada Luana Ribeiro no Diretório Municipal ao deixar claro que o PDT poderá apoiar candidatura do atual gestor,

Considerando  a ausência de postura firme do Diretório Estadual  na defesa do grupo de Araguaína ao ignorar que princípios norteadores do partido sejam esquecidos,

Considerando que o hábito do erro, da injustiça, da opressão, da mentira e dos próprios interesses, destroem  a dignidade humana e de um povo que sonha em  se manifestar de forma livre, sem cabresto,

Decidimos

Repudiar qualquer ato político cujo objetivo seja  unicamente o de dar ordens, como é o caso de Luana Ribeiro, que consideramos estranha ao grupo e distante dos anseios da sociedade araguainense,

Repudiar a atitude da deputada pela forma grosseira com que tratou o grupo  de Araguaína, ao dizer que o partido é dela e que já havia decidido o que fazer, e que quando fosse lançar candidatura a prefeito seria de uma pessoa de renome,

Apoiar pessoas sem renome e  que sonham com candidaturas, entendendo que o mais importante não é ter renome, mas integridade e honestidade. Caso renome  fosse requisito para candidatura, o Brasil não estaria  afundado num lamaçal de corrupção praticada por políticos de renome, mas que traíram o povo e a própria dignidade,

Apoiar de forma incondicional àqueles que já lançaram pré-candidaturas, pessoas sérias e que nunca precisaram grudar nas costas de ninguém, diferentes daqueles que só conseguiram chegar ao mandato graças ao poder e à influência de parentes, como foi o caso da própria deputada, que até pouco tempo  nenhum tocantinense conhecia a existência e origem.

Finalmente,

Comunicamos à Executiva Nacional do PDT  a  desfiliação em massa do grupo dos legítimos descontentes  para se juntar a partidos  que respeitam opiniões contrárias e trabalham na construção de um projeto independente, sem arrogância, sem freios, sem mordaça, sem imposição nem submissão a quem quer que seja.

Grupo dos insatisfeitos do PDT de Araguaína”

Comentários pelo Facebook: