Seet
Sobral – 300×100

Olyntho Neto estranha denúncia em ano eleitoral quando seu nome é cotado a prefeito de Araguaína

Agnaldo Araujo - |
Foto: Divulgação
O deputado Olyntho Neto disse estranhar a denúncia do MPF em ano eleitoral

O deputado Olyntho Neto (PSDB-TO) afirmou que é “preocupante” a denúncia do Ministério Público Federal (MPF) sobre extração ilegal de areia no Rio Araguaia para construção de praia particular vir à público somente em ano eleitoral. O motivo, segundo o parlamentar, é que mesmo sem ter se colocado como pré-candidato, seu nome aparece como um potencial candidato a prefeito de Araguaína (TO).

A assessoria do deputado também rebateu a denúncia do MPF. “O deputado Olyntho Neto não contratou o serviço de draga para propriedade sua, assim como não tem participação em contratação similar com amigo ou conhecido, muito menos para retirada de areia no rio Araguaia. O deputado segue tranquilo na sua rotina de trabalho”, disse em nota.

A assessoria também afirmou que ele não tem conhecimento sobre a ação penal proposta pelo MPF.

Entenda

O MPF propôs ação penal pública contra o deputado Olyntho, o comerciante Hernandes Neves de Brito e o pecuarista Nahim Halum.  Eles são acusados de extração ilegal de areia do Rio Araguaia para construção de duas praias do tipo “ilhotas” na área da Praia do Escapole, em Araguanã, no norte do Tocantins, o que configura crime ambiental.

Segundo o MPF, o caso foi descoberto depois de denúncias de extração ilegal de areia na região de Araguanã, sem a devida autorização. A Polícia Militar Ambiental do Tocantins iniciou uma fiscalização que resultou na autuação da empresa Mineradora Porto Seguro.

Ainda segundo o MPF, a pena do crime é de um ano, mas já houve a prescrição do delito. Entretanto, os denunciados podem responder, perante o Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1), por crime contra o patrimônio público, na modalidade de usurpação.

Confira a nota completa

“Sobre a ação citada, informo que o deputado Olyntho Neto não contratou o serviço de draga para propriedade sua, assim como não tem participação em contratação similar com amigo ou conhecido, muito menos para retirada de areia no rio Araguaia.  Olyntho não tem conhecimento sobre a referida ação. É preocupante esse tipo de notícia vir à público em período eleitoral, quando, mesmo sem ter se colocado como pré-candidato, o nome do Deputado desponta como potencial candidato ao Executivo para o município de Araguaína. O Deputado segue tranquilo em sua rotina de trabalho e está à disposição, assim como esta assessoria, para qualquer esclarecimento”.

Comentários pelo Facebook: