Turistas atravessam trecho do rio Tocantins a pé numa das maiores secas da história

Agnaldo Araujo - |
Foto: Divulgação
O Rio Tocantins enfrentou uma seca histórica no ano passado em Tocantinópolis

Turistas estão atravessando o rio Tocantins a pé, em Tocantinópolis. O nível da água voltou a baixar nessa época do ano e, segundo pescadores, essa é a pior seca dos últimos anos do rio, que sempre foi abundante em água e em peixes.

Quem depende da pesca já tem de se locomover cerca de 22 km e mesmo assim não está conseguindo tirar o sustento da família. “Não estamos conseguindo pegar nada nesse rio. A gente passa a noite e não pega nada” , disse um pescador. “Ver a situação que o rio Tocantins se encontra hoje é difícil de mais. Dá vontade até de chorar”, afirmou outro pescador.

Vários barcos estão encalhados às margens do rio e até mesmo dentro do leito. A sensação é de deserto no lugar que era coberto por água. Para a empresária Cinelândia Almeida, o caso é uma judiação. “É uma judiação para todos nós. Eu fui criada aqui, passei um tempo fora, retornei, estou aqui há seis anos, para ver essa judiação. Parte meu coração”, disse.

Segundo o geógrafo Fábio Pessoa, um dos fatores externos que influencia a seca é o funcionamento de uma usina hidrelétrica, que fica nas proximidades da cidade. “Se você for pensar no rio como elemento da vida, um elemento da qual nós fazemos parte, é totalmente catastrófico. A tendência é que você tenha, cada vez mais, situações como essa na beira do rio Tocantins, que façam com que pescadores e ribeirinhos, tenham todo o modo de vida prejudicado”, disse. (Com informações – G1 Tocantins)

Foto: Reprodução/TV Anhanguera
Turistas atravessam o rio a pé

Comentários pelo Facebook: