Vicentinho entra na justiça contra Carlesse para barrar pagamento de emendas parlamentares

Redação AF - | - 692 views
Foto: Divulgação
Vicentinho diz que Carlesse empenhou milhões e milhões no mês de maio

A Coligação ‘A Vez dos Tocantinenses’, do candidato a governador Vicentinho Alves (PR), disse que entrou com Ação Cautelar em face do governador interino Mauro Carlesse (PHS) para impedir que o Governo do Estado firme novos convênios com municípios e pague emendas parlamentares.

Em nota enviada à imprensa nesta segunda-feira (28), a coligação disse possuir documentos que comprovam que o governo interino continuava a fazer convênios para pagamento de emendas parlamentares, mesmo tendo o parecer contrário da assessoria jurídica do Estado, por infringir a lei e descumprir a ordem judicial.

Assim, segundo a coligação, “não houve alternativa senão pedir providências imediatas à Justiça Eleitoral”, visando resguardar a isonomia da disputa eleitoral.

A Coligação disse que todas as informações são públicas, com documentos publicados no Diário Oficial e constam no Portal da Transparência.

“O governo empenhou milhões no mês de maio para pagamento de emendas parlamentares. A ação traz provas contundentes de todo alegado. Os cidadãos e cidadãs do estado do Tocantins merecem mais respeito e comprometimento com a lei e a Justiça“, diz a nota da coligação.

Operação da PF

Nesta segunda-feira (28), agentes da Polícia Federal cumpriram mandados de busca e apreensão em duas secretarias de Estado, inclusive na Sefaz, em busca de documentos relacionados aos convênios e emendas parlamentares.

Operação da PF: Carlesse acusa Vicentinho de tentar criar ‘factoide’ para atingir sua campanha

Comentários pelo Facebook: