Vicentinho volta a apresentar propostas após onda de denúncias contra Carlesse

Redação AF -
Foto: Divulgação
Vicentinho passou em Guaraí e Colinas do Tocantins no sábado (16)

Senador e candidato a governador no 2º turno da eleição suplementar de 24 de junho, Vicentinho Alves (PR) voltou a apresentar e discutir propostas após duas semanas de intensas denúncias contra o seu adversário, Mauro Carlesse (PHS).

Criação da Secretaria de Juventude

No sábado (16), em Colinas, Vicentinho disse que sua gestão vai levar a Universidade Estadual do Tocantins (Unitins) para o interior do Estado e irá transformar a atual Diretoria da Juventude em Secretaria, tendo um representante da cidade. O objetivo é garantir mais espaços para as políticas públicas para a juventude, mas sem precisar aumentar custos.

O anúncio foi feito em reunião com a juventude na casa do vereador Washington Aires (PR), presidente da Câmara Municipal da cidade, na presença de dezenas de jovens e líderes políticos como Gideon do Assaí, Lucas Moreira, Fernanda Paula, Canhoto da Patrol e o ex-prefeito José Santana.

Vicentinho ressaltou que a Unitins “não pode ser uma universidade encastelada em Palmas”. “Temos que levar a instituição para o interior, trazer cursos bons para a população de Colinas”, frisou o candidato.

Guaraí: Prodivino priorizará micro e pequenos empresários

Ainda no sábado, ao lado da prefeita de Guaraí, Lires Ferneda, candidato a governador conversou com comerciantes e destacou que a função principal do Prodivino (Banco do Empreendedor) é atender quem tem um carrinho de cachorro-quente, a costureira, a lanchonete, a mercearia, e não donos de redes de postos de combustível ou lojas em shoppings, como ocorre hoje.

Vicentinho também prometeu acabar com o ICMS complementar, que só existe no Tocantins e no Rio Grande do Norte.

Para prefeita, a caminhada, que passou por mais de 50 estabelecimentos comercias, é muito importante porque o senador se apresenta ao eleitor, tem contato “olho no olho” e foi muito bem recebido.

Vicentinho concluiu afirmando que irá varrer da política do Estado os seus adversários. “Tenham segurança que vamos ao governo, com o povo e os líderes do bem. Ainda bem que juntaram tudo que não presta do outro lado para podermos varrê-lo e eles nunca mais falarem de política no Estado”, alfinetou o senador.

Comentários pelo Facebook: