Criminalidade

Adolescente de 14 anos é morto após assaltar filha de policial militar em Araguaína

O militar já se apresentou na delegacia para prestar depoimento.

Por Redação 10.333
Comentários (0)

03/01/2022 14h29 - Atualizado há 5 meses
Moto recuperada

Um adolescente de 14 anos suspeito de praticar assaltos em Araguaína foi morto por um policial militar que estava de folga na noite deste domingo (02.jan.22).

Inicialmente, uma jovem de 23 anos acionou a Polícia Militar após ter sido abordada por dois bandidos armados, sendo que um deles ainda teria tocado em seu corpo de forma a constrangê-la sexualmente.

Segundo a jovem, os ladrões subtraíram sua motocicleta Honda Biz e levaram também um jaleco, celular e a CNH, objetos que estavam no compartimento interno do veículo.

Quando os militares se deslocavam para o local da ocorrência, a equipe foi informada de que dois criminosos também tinham roubado um homem de 28 anos, sendo que eles possuíam as mesmas características físicas e vestimentas dos que haviam acabado de roubar a jovem de 23 anos.

Enquanto a PM registrava a ocorrência referente à primeira vítima, a equipe recebeu informações de que o pai da jovem havia localizado os dois suspeitos na região do Setor Vila Azul e teria entrado em confronto com eles.  

No local do possível confronto, a PM encontrou a motocicleta roubada ao lado do adolescente de 14 anos, que estava aparentemente sem vida e com perfuração no corpo possivelmente provocada por arma de fogo.

Segundo a polícia, também foi encontrada uma arma de fogo artesanal calibre 22 ao lado do corpo do menor. Já o segundo suspeito não foi localizado. O pai da vítima do roubo também não estava, mas ele já se apresentou na delegacia para prestar depoimento.

O delegado da Polícia Civil, perícia e o Instituto Médico Legal (IML) foram acionados para realização dos devidos procedimentos no local do caso.  

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2022 AF Notícias. Todos os direitos reservados.