Direto ao Ponto Direto ao Ponto

Arnaldo Filho

redacao@afnoticias.com.br

Polêmica

Clima político esquenta em Gurupi: Pisoni repudia Fortes após ser acusado de fraudar pesquisas

Pré-candidato disse que tomará as medidas jurídicas cabíveis.

Por Arnaldo Filho 561
Comentários (0)

26/06/2024 17h40 - Atualizado há 2 semanas
Empresário Cristiano Pisoni e deputado Eduardo Fortes

Notícias de Gurupi - O clima da disputa política na Capital da Amizade vem esquentando cada vez mais. Três nomes estão no páreo das eleições 2024 para prefeito de Gurupi – a atual gestora Josi Nunes (UB), o deputado estadual Eduardo Fortes (PSD) e o empresário Cristiano Pisoni (PSDB).

Dessa vez, a polêmica é sobre a suposta contratação de pesquisa fraudulenta, delito que teria sido imputado a Pisoni por Fortes, gerando até nota de reúdio.

A polêmica começou quando a assessoria de Eduardo Fortes disse que “a Justiça Eleitoral do Tocantins impugnou mais uma pesquisa fraudulenta, desta vez encomendada pelo pré-candidato Cristiano Pisoni, que recentemente alegou ser o candidato que mais crescia nas intenções de voto. Na semana passada, a Justiça já havia embargado uma pesquisa da pré-candidata Josi Nunes, destacando um padrão preocupante de tentativas de manipulação eleitoral”.

Por sua vez, Cristiano Pisoni divulgou nota afirmando que "repudia a atitude do deputado Eduardo Fortes de imputar a ele a divulgação de pesquisas falsas em Gurupi, demonstrando total desespero e despreparo diante da sua dificuldade em se manter na liderança da preferência do eleitor. Sem provas, e, de forma inescrupulosa, o deputado distorce a decisão judicial.

Segundo Pisoni, as pesquisas de opinião em Gurupi vêm sendo divulgadas desde o início do ano, com a mesma metodologia e as mesmas fontes pagadoras, inclusive as que apontavam o deputado em franco crescimento.

“Ele só passou a questioná-las a partir do momento em que começou a figurar em queda. O crescimento da candidatura de Cristiano Pisoni não requer pesquisa de opinião para ser constatado. Basta perguntar nas ruas pela aceitação do seu nome e os nobres motivos que estão fazendo que o eleitor abandone a velha e arcaica política da familiocracia gurupiense”, diz a nota.

Para Pisoni, em vez de distribuir comunicados com calúnias contra os adversários, o deputado deveria usar a sua influência nos meios de comunicação para explicar as nomeações da irmã da prefeita em seu gabinete e do seu vice no gabinete da presidente do partido da prefeita.

Por fim, o pré-candidato Cristiano Pisoni disse que tomará as medidas jurídicas cabíveis contra os que o acusam de fraude e divulgação de notícias falsas, sem apresentar nenhum indício de prova.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2024 AF. Todos os direitos reservados.