34 anos

Assaltante que amedrontava mulheres na região do Bico do Papagaio é preso pela PM

Polícia apreendeu 6 celulares e dinheiro com o homem.

Por Redação
Comentários (0)

26/01/2021 09h54 - Atualizado há 1 mês
Celulares recuperados

Um homem de 34 anos suspeito de roubar diversos aparelhos celulares de várias vítimas na região do Bico do Papagaio foi preso na TO-201 na manhã desta segunda-feira (25).

Além da cidade de Augustinópolis, onde o autor foi preso, a Polícia Militar descobriu que o homem também chegou a praticar o mesmo crime nas cidades de Axixá e Praia Norte. A informação foi confirmada pelo próprio autor após sua prisão.  

Uma das vítimas, mulher de 30 anos, ligou para a Central de Operações da PM (Copom) após ter o celular roubado no Bairro São Pedro, em Augustinópolis. Segundo a vítima, o homem estava numa motocicleta Honda Bros e colocou a mão na cintura dizendo estar armado.

O suspeito foi localizado pela polícia já nas proximidades da entrada de Augustinópolis. Percebendo o acompanhamento, o autor ainda tentou se livrar de alguns objetos em um matagal na beira da pista, mas acabou preso. 

A PM apreendeu um aparelho celular em poder do criminoso. Já na beira da pista, onde o assaltante jogou alguns objetos, os policiais encontraram mais cinco celulares e R$ 110 em espécie. 

As informações obtidas pela PM dão conta de que o assaltante é o mesmo que vinha amedrontando moradores de Augustinópolis e região do Bico do Papagaio ao praticar roubos de celulares. Todas as vítimas eram mulheres. Em duas situações, ele chegou a adentrar nas residências e tomar os celulares das vítimas utilizando-se de grave ameaça.

Informações também apontam que o autor já esteve preso em São Miguel (TO) e Imperatriz (MA) acusado de roubo e receptação de aparelho celular. 

O autor e todos os objetos apreendidos foram apresentados na Central de Flagrantes em Araguatins.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2021 AF Notícias. Todos os direitos reservados.