Tocantins

Idoso dava bebida e até remédios a adolescentes em troca de sexo, diz Polícia Civil

O idoso já está proibido de se aproximas das vítimas e poderá pegar até 10 anos de prisão.

Por Redação 2.434
Comentários (0)

26/10/2018 17h07 - Atualizado há 11 meses
Idoso acusado dos crimes

O idoso Joaquim Pires Calassa Neto, de 62 anos, foi indiciado pelo crime de exploração sexual de criança e adolescente na cidade de Lagoa da Confusão, nesta quinta-feira (25).

As investigações, já concluídas pela Polícia Civil, apontam que os crimes ocorreram em 2017 e 2018. As vítimas têm entre 14 e 17 anos.

De acordo com o delegado Hismael Tranqueira, o idoso mantinha relações sexuais com as vítimas em troca de diversas vantagens materiais, dentre elas, remédio, bebida, comida e estadia no seu imóvel.

Segundo a Polícia Civil, a justiça já acatou a denúncia do Ministério Público Estadual e, se condenado, Joaquim poderá pegar uma pena de até 10 anos de prisão.

O idoso já está proibido de se aproximar das vítimas e também de se ausentar da comarca sem aviso prévio ao juízo.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2019 AF Notícias. Todos os direitos reservados.