61 presos

Mulher integrante de facção nacional é presa em megaoperação no Tocantins

A operação é considerada a maior ação de combate ao crime organizado no Estado.

Por Redação 3.299
Comentários (0)

18/04/2019 09h51 - Atualizado há 3 meses
Operação no Tocantins

Uma mulher integrante de uma facção criminosa nacional que atua no Tocantins foi presa na megaoperação da Polícia Civil realizada em 14 cidades do Estado e também no Pará, Goiás e Piauí.

Ela integra o grupo de 61 pessoas que foi capturado na última segunda-feira (15). A operação foi denominada de ‘Intramuros’ e é considerada a maior ação de combate ao crime organizado no Estado.

De acordo com o delegado Eduardo de Menezes, responsável pela operação, até o momento 40 pessoas presas já foram ouvidas.

Realizamos 18 interrogatórios em Paraíso na terça-feira. Na manhã desta quarta-feira ouvimos 12 mulheres presas em Palmas e Paraíso e à tarde ouvimos outros 10 homens presos na Casa de Prisão Provisória de Palmas”, afirmou.

Ainda de acordo com o delegado, os demais presos em outras 12 cidades do Estado serão ouvidos pelos delegados responsáveis de cada município. Os depoimentos serão anexados aos documentos da operação.

Intramuros

Segundo a Polícia Civil, a operação exigiu seis meses de complexo trabalho investigativo e contou com cerca de 300 agentes.

Até o momento, 61 pessoas foram presas e apreendidos 1,5 kg de crack, 1 kg de maconha, além de duas armas de fogo.

+ Megaoperação prende 60 criminosos e principais líderes de facção no Tocantins

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2019 AF Notícias. Todos os direitos reservados.