Criminalidade

Praça estava sendo usada como ponto de venda de drogas no centro de Araguaína

As investigações sobre o caso tiveram início há algumas semanas.

Por Redação 831
Comentários (0)

21/07/2021 09h09 - Atualizado há 1 semana
Drogas e dinheiro apreendidos

Quatro pessoas suspeitas de envolvimento com o tráfico de drogas foram presas em Araguaína na tarde desta terça-feira (20).

A ação foi realizada na Praça das Bandeiras, próximo ao Mercado Municipal, após investigações da 2ª Divisão de Especializada de Combate a Narcóticos (2ª DENARC). Os suspeitos estariam utilizando a praça como ponto de venda de drogas.

Os presos são dois jovens de 22 anos cada, uma mulher de 42 anos, além de outra suspeita de 21 anos.

Durante a ação, os policiais civis também localizaram e apreenderam dezenas de porções de maconha já embaladas e prontas para a venda, bem como porções maiores da mesma droga. Também foram apreendidos R$ 357 provenientes da venda de entorpecentes.    

Um adolescente de 16 anos que também estava no local e auxiliava na venda do entorpecente foi apreendido por ato infracional análogo ao tráfico de drogas. 

Segundo o delegado José Anchieta de Menezes Filho, as investigações tiveram início há algumas semanas quando os policiais civis da DENARC flagraram um intenso movimento de usuários nas proximidades dos referidos locais em busca de adquirir drogas.

Desse modo, os agentes flagraram situações que caracterizam os crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico.

Todos os presos foram conduzidos até a sede da 2ª DENARC, onde foram ouvidos e autuados por tráfico de drogas e associação para o tráfico.

Após as providências legais cabíveis, os dois jovens foram encaminhados para a Casa de Prisão Provisória de Araguaína (CPPA). Já as duas mulheres foram recolhidas na Unidade Prisional Feminina de Babaçulândia.

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2021 AF Notícias. Todos os direitos reservados.