Troca de tiros

Suspeito de integrar facção criminosa morre em confronto com a polícia na região central do estado

Segundo a polícia, o suspeito morto em confronto possuía dois mandados de prisão em aberto.

Por Redação 2.825
Comentários (0)

01/11/2021 07h30 - Atualizado há 2 meses
Suspeito era considerado de alta periculosidade, segundo a PM

Um jovem identificado como Alan de Lima Lemos, 25 anos, morreu durante confronto com uma equipe da Força Tática da Polícia Militar na noite deste sábado (30), em Miracema do Tocantins, região central do estado. Ele é suspeito de integrar uma facção criminosa.

De acordo com a PM, os militares receberam informações de que dois suspeitos em uma motocicleta haviam realizado vários disparos de arma de fogo no Setor Mustafá Bucar, aterrorizando os moradores.

Durante patrulhamento na Rua Goiás, a equipe avistou duas pessoas com as mesmas características dos suspeitos em uma motocicleta preta. De imediato, os policiais iniciaram o acompanhamento com sinais acionados e deram várias ordens de parada, mas os suspeitos desobedeceram.

Ainda segundo a polícia, em um certo momento do acompanhamento, o suspeito que estava na garupa disparou contra a equipe, que revidou. Alan acabou sendo baleado, não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Com ele, os policiais apreenderam um revólver calibre 38. O confronto aconteceu no Setor Filomena.

O condutor da moto conseguiu escapar e não foi localizado. A polícia afirmou que Alan era faccionado a uma organização criminosa e possuía uma extensa ficha criminal, inclusive com dois mandados de prisão em aberto.

A Polícia Científica foi acionada para a realização da perícia e a Polícia Civil também compareceu no local. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML).

Comentários (0)

Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

(63) 3415-2769
Copyright © 2011 - 2022 AF Notícias. Todos os direitos reservados.